Acordo da Opep+ muda foco de investidores para demanda global

Para especialista do Citigroup, mercado está muito apertado e um aumento de oferta de 400 mil barris por dia terá pouco impacto
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Conteúdos sobre investimentos

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: Acordo da Opep+ muda foco de investidores para demanda global; invistaja.info;


LCAM3 | PSR: 2.482 | ROE: 0.1194 | P/EBIT: 14.56 | DY: 0.0124 | EV/EBIT: 18.84 | Pat.Liq: 4402100000.0

ListenToMarket: Acordo da Opep+ muda foco de investidores para demanda global – Áudio gerado às: 12:10:23

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

(invistaja.info) — A Opep+ conseguiu resolver uma disputa interna e agora planeja aumentar a oferta em 400 mil barris por dia mensalmente a partir de agosto até que toda a produção retirada do mercado seja reativada. O acordo foi impulsionado pelos Emirados Árabes Unidos, que buscavam melhores termos de produção.

Em entrevista à Bloomberg TV, Ed Morse, chefe global de pesquisa de commodities do Citigroup, disse que o mercado está muito apertado e que um aumento de oferta de 400 mil barris por dia terá pouco impacto.

A demanda está significativamente mais alta, apesar do avanço da pandemia de Covid-19 em alguns países, e os preços do petróleo devem subir muito mais quando o verão no hemisfério norte terminar, disse.

+Oi divulga plano estratégico e projeta Ebitda de até R$ 2,3 bilhões em 2024

Para Vandana Hari, fundadora da Vanda Insights em Singapura, o acordo prova que a Opep+ não está apenas intacta, mas também disposta a administrar a reposição da produção de forma gradual para evitar o risco de excesso de oferta.

O não cumprimento das cotas deve continuar sendo um obstáculo para a aliança, especialmente quando os membros se cansarem das restrições à medida que os mercados exijam mais petróleo, acrescentou.

Impacto da delta

hotWords: opep+ investidores muda demanda foco

Publique seu negócio no invistaja.info

O Goldman Sachs disse que o acordo apoia sua visão construtiva sobre o petróleo, enquanto alerta que os preços podem oscilar no curto prazo em meio à preocupação com a variante delta, disseram analistas como Damien Courvalin em relatório. Na avaliação do Goldman, o aumento planejado da produção é moderado e o déficit deve se manter.

O foco agora se voltará para a demanda, já que as incertezas imediatas sobre a oferta desapareceram, disse Will Sungchil Yun, analista sênior de commodities da VI Investment, em Seul.

O acordo foi fechado sob a suposição de que a pandemia estará sob controle até o ano que vem, mas a variante delta, de rápida propagação, pode continuar a impactar os mercados de petróleo por algum tempo, acrescentou.

O pacto provavelmente pressionará os preços no curto prazo, à medida que os investidores desfazem posições diante da perspectiva de maior oferta, disse Daniel Hynes, estrategista sênior de commodities no Australia & New Zealand Banking. Mas ele destaca que o mercado ainda está relativamente apertado e a onda de vendas deve durar pouco, acrescentou.

Quer entender o que é o mercado financeiro e como ele funciona? Assista à série gratuita “Carreira no Mercado Financeiro” e conheça o setor da economia que paga os melhores salários de 2021.

palavras-chave: Acordo da Opep+ muda foco de investidores para demanda global; invistaja.info;

FLORIANÓPOLIS | economia | invistaja.info – Acordo da Opep+ muda foco de investidores para demanda global

REFLEXÃO: Robert Brokamp, da Motley Fool: Diversificação reduz os riscos, aumenta a previsibilidade e impulsiona os retornos.

Tópicos mais acessados:

SP iniciará nova campanha de vacinação contra Covid em janeiro de 2022, diz secretário

Wall Street teme que crescimento da economia tenha atingido pico

Ações da Americanas s.a. (AMER3), antiga B2W, registram queda em primeiro pregão na Bolsa

Ações de PetroRio, Petrobras, Vale e siderúrgicas têm queda com commodities; sem acordo, Tegma e JSL caem

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.