Após acordo, Banco do Brasil desiste de sair da Febraban

Anúncio acontece após a Febraban ter reafirmado seu apoio ao manifesto que pede harmonia entre os Poderes da República
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Informação para o trader investidor

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: Após acordo, Banco do Brasil desiste de sair da Febraban; invistaja.info;


BLAU3 | P/Ativo: 3.91 | PSR: 6.766 | DY: 0.0004 | Mrg.Ebit: 0.3659 | P/VP: 5.82 | EV/EBITDA: 16.89

ListenToMarket: Após acordo, Banco do Brasil desiste de sair da Febraban – Áudio gerado às: 15:0:28

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

hotWords: febraban sair após brasil

Publique seu negócio no invistaja.info

SÃO PAULO (invistaja.info) – O Banco do Brasil (BBAS3) informou nesta sexta-feira (3) que desistiu de se desassociar da entidade que representa os grandes bancos do país, Febraban, na esteira de um mal-estar na semana passada com o conteúdo de um manifesto pedindo harmonia entre os Poderes da República.

“Após negociações respeitosas entre os membros da Febraban ocorridas nesta semana, e reconhecendo o esforço empreendido por todos na busca pelo diálogo e por soluções mediadas, como é tradição na Febraban, o Banco do Brasil esclarece que não tem intenção de se desassociar da Federação”, diz trecho da nota.

O anúncio acontece após a Febraban ter reafirmado na noite da véspera seu apoio ao manifesto, respeitando posições contrárias do BB e da Caixa Econômica Federal e se distanciando de movimento liderado pela Fiesp, das indústrias de São Paulo.

+Empresas estrangeiras poderão escolher áreas de petróleo que gostariam de comprar

O manifesto, também subscrito por outras entidades setoriais, pedia harmonia entre os Poderes, e desagradou o presidente Jair Bolsonaro, que tem tido embates frequentes com membros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Com isso, os bancos controlados pelo governo federal tinham ameaçado deixar a Febraban.

“O BB também acredita que o episódio poderá, ao final, contribuir para reforçar mecanismos internos na Federação que favoreçam o diálogo e reforcem o papel da Febraban como importante agente de desenvolvimento do país”, diz a nota do BB subscrita por seu presidente-executivo, Fausto Ribeiro.

Consultada, a Caixa Econômica Federal não respondeu de imediato se planeja manter filiação à entidade.

Para entender como operar na bolsa através da análise técnica, inscreva-se no curso gratuito A Hora da Ação, com André Moraes.

hotWords: febraban sair após brasil

Publique seu negócio no invistaja.info

SÃO PAULO (invistaja.info) – O Banco do Brasil (BBAS3) informou nesta sexta-feira (3) que desistiu de se desassociar da entidade que representa os grandes bancos do país, Febraban, na esteira de um mal-estar na semana passada com o conteúdo de um manifesto pedindo harmonia entre os Poderes da República.

“Após negociações respeitosas entre os membros da Febraban ocorridas nesta semana, e reconhecendo o esforço empreendido por todos na busca pelo diálogo e por soluções mediadas, como é tradição na Febraban, o Banco do Brasil esclarece que não tem intenção de se desassociar da Federação”, diz trecho da nota.

O anúncio acontece após a Febraban ter reafirmado na noite da véspera seu apoio ao manifesto, respeitando posições contrárias do BB e da Caixa Econômica Federal e se distanciando de movimento liderado pela Fiesp, das indústrias de São Paulo.

+Empresas estrangeiras poderão escolher áreas de petróleo que gostariam de comprar

O manifesto, também subscrito por outras entidades setoriais, pedia harmonia entre os Poderes, e desagradou o presidente Jair Bolsonaro, que tem tido embates frequentes com membros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Com isso, os bancos controlados pelo governo federal tinham ameaçado deixar a Febraban.

“O BB também acredita que o episódio poderá, ao final, contribuir para reforçar mecanismos internos na Federação que favoreçam o diálogo e reforcem o papel da Febraban como importante agente de desenvolvimento do país”, diz a nota do BB subscrita por seu presidente-executivo, Fausto Ribeiro.

Consultada, a Caixa Econômica Federal não respondeu de imediato se planeja manter filiação à entidade.

Para entender como operar na bolsa através da análise técnica, inscreva-se no curso gratuito A Hora da Ação, com André Moraes.

palavras-chave: Após acordo, Banco do Brasil desiste de sair da Febraban; invistaja.info;

LONDRINA | negocios | invistaja.info – Após acordo, Banco do Brasil desiste de sair da Febraban

REFLEXÃO: Michael Kitces, conselheiro financeiro: Invista pensando no longo prazo, não especule, mas, não ignore as flutuações do mercado.

Notícias relacionadas:

Ruídos políticos se refletem no preço de alimentos e combustíveis, diz Meirelles

Brasil chega a 40% da população completamente vacinada contra a Covid-19

Reforma do Imposto de Renda pode gerar perda de R$ 28,9 bilhões em 2022, estima IFI

Primeiro passo da Equatorial no setor de saneamento é positivo, mas analistas alertam para preço “muito alto” por concessão

Anuncie no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade