BNDES quer Correios e Eletrobras prontas para venda no 1º semestre de 2022

Gustavo Montezano, presidente do BNDES, defendeu as duas privatizações
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Negociando na bolsa de valores

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: BNDES quer Correios e Eletrobras prontas para venda no 1º semestre de 2022; invistaja.info;


SHUL4 | P/Cap.Giro: 2.41 | Div.Brut/Pat.: 0.94 | Cresc.5anos: 0.209 | Mrg.Liq.: 0.1232 | Liq.2meses: 7402350.0 | P/Ativo: 0.986

ListenToMarket: BNDES quer Correios e Eletrobras prontas para venda no 1º semestre de 2022 – Áudio gerado às: 17:20:23

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano, voltou a estimar as operações de privatização da Eletrobras (ELET3;ELET6) e dos Correios para o primeiro semestre de 2022, embora a concretização das vendas dependa do “apetite de mercado” para realizá-las no “preço correto”.

“Esperamos ter os ativos disponíveis para realizar as operações no primeiro semestre do ano que vem”, afirmou Montezano, em palestra durante o TAG Summit 2021, evento online promovido pela gestora TAG Investimentos.

O presidente do BNDES defendeu as duas privatizações. No caso da Eletrobras, mais importante do que os valores que o Tesouro Nacional levantará com a capitalização da companhia, será dar condições à empresa para voltar a investir no setor elétrico.

+Vale anuncia acordo que encerra greve de dois meses em unidade no Canadá; analistas veem desdobramento positivo

No caso dos Correios, Montezano disse esperar maior eficiência na logística interna. Segundo o executivo, o comércio eletrônico poderá sair ganhando, especialmente as pequenas empresas, já que os gigantes do setor têm investido em sistemas próprios de entrega. O Mercado Livre está investindo R$ 10 bilhões em logística, disse Montezano.

“O principal beneficiado com a privatização dos Correios é a pequena e média empresa que vende por comércio eletrônico”, afirmou o presidente do BNDES.

Defesa de estratégia para carteira

hotWords: para quer bndes 2022 venda

Anuncie no invistaja.info

Montezano voltou a defender a estratégia de vender a carteira de participações acionárias da instituição de fomento. Ele disse que encontrou o banco de fomento com uma carteira de R$ 120 bilhões, diante de um patrimônio de R$ 100 bilhões.

“Como vamos gerir um banco de desenvolvimento cuja carteira de ações é maior do que o patrimônio? É muito arriscado”, afirmou Montezano.

Segundo o executivo, desde que assumiu o comando do BNDES, em julho de 2019, já foram vendidos de R$ 65 bilhões a R$ 70 bilhões da carteira de ações. Hoje, a carteira de ações está em cerca de R$ 70 bilhões, diante de um patrimônio de R$ 120 bilhões, informou Montezano.

“Ainda é elevado, mas o risco está mais mitigado”, afirmou o presidente do BNDES.

A meta colocada pela gestão de Montezano, ainda em 2019, era reduzir a carteira de ações em 80% até o fim de 2022.

palavras-chave: BNDES quer Correios e Eletrobras prontas para venda no 1º semestre de 2022; invistaja.info;

FARIA LIMA | mercados | invistaja.info – BNDES quer Correios e Eletrobras prontas para venda no 1º semestre de 2022

REFLEXÃO: James Early, do Motley Fool: Explore a fraqueza cognitiva dos outros

Tópicos mais acessados:

Margem Ebitda impressionante no Brasil e força na América do Norte: os destaques do resultado da Gerdau

Mercado internacional, presença digital e branding: por que o mercado gostou tanto da nova aquisição da Petz

Google aprova trabalho remoto ou realocação para 85% do pessoal

Investidores de varejo e conhecida gestora americana alimentam rali da Robinhood; ações chegam a saltar mais de 80% na Nasdaq

Anuncie no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade