Bolsas mundiais abrem o mês em alta após resultados positivos nos Estados Unidos em julho

PMIs e perspectiva de plano de aprovação do plano de infraestrutura nos EUA também ganham destaque
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Informação para o trader investidor

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Bolsas mundiais abrem o mês em alta após resultados positivos nos Estados Unidos em julho; invistaja.info;


HETA3 | Mrg.Liq.: -107.147 | Cresc.5anos: -0.1593 | Cotacao: 120.0 | ROIC: -0.002 | Div.Brut/Pat.: -0.58 | P/EBIT: -2781.82

ListenToMarket: Bolsas mundiais abrem o mês em alta após resultados positivos nos Estados Unidos em julho – Áudio gerado às: 7:10:44

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

As bolsas mundiais sobem nesta segunda-feira (2), após um mês de julho forte nos Estados Unidos.

Em julho, os principais índices americanos fecharam em alta, apesar de preocupações sobre a perspectiva de retomada econômica com a propagação da variante delta de Covid.

No mês, o Nasdaq Composto subiu 1,2%; o Dow Jones subiu 1,3%; e o S&P 500 avançou 2,3%. A preocupação com o avanço do coronavírus no país vem sendo parcialmente ofuscada pelo avanço nas negociações por um acordo bipartidário em torno de uma lei prevendo investimentos de US$ 1 trilhão em infraestrutura no país.

+As 5 maiores baixas e as 5 maiores altas do Ibovespa no mês de julho

Na sexta, foram divulgados dados que indicaram que a inflação nos Estados Unidos avançou em junho 3,5%, levemente abaixo da expectativa de analistas ouvidos pela Dow Jones, de alta de 3,6%. Também foram divulgados dados sobre o PIB dos Estados Unidos no segundo trimestre, que avançou 6,5% na base de comparação anual, menos do que a taxa de 8,4% esperada por analistas ouvidos pela Dow Jones.

As ações da Amazon tiveram queda de quase 7,6% na sexta, após a empresa informar receita trimestral abaixo da expectativa pela primeira vez em três anos, e apresentar diretrizes de desempenho abaixo da expectativa do mercado.

Até o momento, 59% das empresas que compõem o S&P informaram o desempenho no segundo trimestre, dentre as quais 88% superaram o o consenso do mercado, segundo dados compilados pelo FacSet.

Entre as empresas que devem informar seus resultados nesta semana estão Lyft, Uber e General Motors.

As bolsas asiáticas também têm altas, após uma semana turbulenta. Na segunda, a fabricante chinesa de carros elétricos Xpeng anunciou alta recorde de entregas de veículos em julho, o que contribuiu para que suas ações listadas em Hong Kong tivessem um salto de 10,66%.

Na segunda foi divulgado o índice do gerente de compras (PMI na sigla em inglês) Caixin/Markit relativo a julho na China, que marcou 50,3 pontos, abaixo da expectativa de analistas ouvidos pela agência internacional de notícias Reuters, de 51,1 pontos. Em junho o indicador havia marcado 51,3 pontos. Qualquer valor acima de 50 indica expansão; abaixo, retração.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng fechou em alta de 1,06%; no Japão, o índice Nikkei subiu 1,82%; na Coreia do Sul, o Kospi avançou 0,65%; na China, o Shanghai composto subiu 1,97%.

hotWords: mundiais estados abrem julho alta positivos

Seja anunciante no invistaja.info

Além disso, as ações do HSBC listadas em Hong Kong avançaram 0,93% após o banco anunciar lucro acima do esperado no primeiro semestre de 2021, além de sua segunda distribuição de dividendos desde o início da pandemia.

O banco informou lucro de US$ 10,84 bilhões no primeiro semestre, mais do que o dobro do mesmo período do ano anterior, o que também contribui para a alta de seus papéis listados em Londres.

Na Europa, o índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, sobe 0,7%, com destaque positivo para o setor automobilístico.

No domingo, o lobby de fabricantes de carros CCFA-PFA afirmou que a escassez global de semicondutores e o avanço de novas infecções de Covid vêm prejudicando a perspectiva de recuperação do mercado automobilístico da França.

Também foi divulgado o PMI industrial da Zona do Euro, relativo a julho, que marcou 62,8 pontos, acima da expectativa de 62,6 pontos.

Veja os principais indicadores às 6h30 (horário de Brasília):

Estados Unidos*Dow Jones Futuro (EUA), +0,51%*S&P 500 Futuro (EUA), +0,58%*Nasdaq Futuro (EUA), +0,52%Europa*FTSE 100 (Reino Unido), -0,86%*Dax (Alemanha), -0,84%*CAC 40 (França), -0,25%*FTSE MIB (Itália), -0,37%Ásia*Nikkei (Japão), +1,82% (fechado)*Shanghai SE (China), +1,97% (fechado)*Hang Seng Index (Hong Kong), +1,06% (fechado)*Kospi (Coreia do Sul), +0,65% (fechado)Commodities e bitcoin*Petróleo WTI, -1,136%, a US$ 73,11 o barril*Petróleo Brent, -1,06%, a US$ 74,64 o barril*Bitcoin, -5,68%, a US$ 39.509,68Sobre o minério: **Contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de Dalian com queda de 0,85%, cotados a 1.054 iuanes, equivalente hoje a US$ 163,11 (nas últimas 24 horas).USD/CNY = 6,46

palavras-chave: Bolsas mundiais abrem o mês em alta após resultados positivos nos Estados Unidos em julho; invistaja.info;

BRASIL | mercados | invistaja.info – Bolsas mundiais abrem o mês em alta após resultados positivos nos Estados Unidos em julho

REFLEXÃO: Eddy Elfenbein, dono do site Crossing Wall Street: Seja paciente e ignore modismos. Foque no valor e não entre em pânico.

Veja também:

Dona da MMartan mira IPO de R$ 700 milhões

Anima entra no setor de moradia estudantil e planeja investir R$ 800 milhões

Prometer carbono zero em 2050 não é relevante, diz presidente da Suzano

Decisão do Copom, Payroll e resultados de Petrobras e bancos: o que acompanhar nesta semana

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade