Cana-de-açúcar vai sofrer impacto do clima, diz CEO da BP-Bunge

Apesar dos danos climáticos, a BP-Bunge espera que seus resultados na atual safra sejam melhores do que em 2020-2021
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Notícias de investidor para investidor

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Cana-de-açúcar vai sofrer impacto do clima, diz CEO da BP-Bunge; invistaja.info;


MBLY3 | ROIC: -0.1356 | Cotacao: 14.0 | PSR: 2.264 | P/Ativo: 1.598 | Mrg.Ebit: -0.0512 | Cresc.5anos: 0.0

(MarketMsg) – O Brasil enfrenta as piores condições climáticas das últimas décadas, o que pode resultar em perdas significativas da produção de açúcar e agravar a já apertada oferta global, segundo a BP-Bunge.

A joint venture calcula que as perdas causadas pelo clima na região Centro-Sul, que responde por 90% da produção de açúcar no país, sejam maiores do que o previsto anteriormente, segundo o diretor-presidente da empresa, Geovane Dilkin Consul.

Os próprios campos da BP-Bunge também foram atingidos pela forte geada nas últimas semanas, afirmou.

+Relator faz aceno a optantes do Simples e a Estados e municípios em novo parecer; veja mudanças

A moagem de cana da empresa deve cair pelo menos 12% na safra 2021-2022 em relação ao ano anterior devido às condições climáticas adversas. E o executivo pode revisar ainda mais para baixo a projeção da BP-Bunge para a moagem no Centro-Sul, que atualmente é de 535 milhões de toneladas.

“Há previsão de pelo menos mais duas frentes frias se aproximando dos canaviais em agosto”, disse Consul em entrevista na terça-feira. “O Brasil vai sofrer, e o recente rali de Nova York é um claro reflexo disso.”

As lavouras de commodities como açúcar e café arábica foram afetadas pelas condições climáticas, como a pior seca em quase um século e a geada mais forte em mais de duas décadas. A crise de oferta impulsionou os futuros de açúcar bruto em julho para a maior cotação desde 2017.

E o rali da commodity não dá sinais de desaceleração diante das incertezas sobre o fornecimento. A StoneX Group espera que a demanda por açúcar supere a produção em 2021-2022.

Leia também:• Geadas no Sul e no Sudeste: qual o impacto para a inflação e para as ações de agro da Bolsa

O déficit global tende a sustentar os contratos futuros do açúcar nos próximos dois anos, com um teto estimado em 19 centavos de dólar por libra-peso, nível acima do qual estimula enormes exportações da Índia, disse Consul.

hotWords: bp-bunge impacto cana-de-açúcar

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

A BP-Bunge deve processar 24 milhões de toneladas de cana na atual safra frente a 27,3 milhões esmagadas em 2020-2021.

A estimativa leva em consideração apenas o impacto da seca e da geada até agora. Ainda há dúvidas sobre o efeito das temperaturas congelantes sobre a cana que será colhida nos próximos meses, disse Consul.

No Mato Grosso do Sul – onde a empresa opera sua menor unidade – todas as áreas de cana foram afetadas.

Apesar dos danos climáticos, a BP-Bunge espera que seus resultados na atual safra sejam melhores do que em 2020-2021.

O Ebitda da empresa somou R$ 3,4 bilhões na safra passada, 63% maior frente à temporada anterior.

A joint venture, formada há pouco mais de um ano, tem se concentrado em melhorar a eficiência e cortar custos, disse o presidente do conselho da BP-Bunge, Mario Lindenhayn, durante a mesma entrevista.

No primeiro ano, a empresa operou 11 usinas no Brasil e atingiu dois terços da sinergia de R$ 1 bilhão prevista para os próximos anos.

palavras-chave: Cana-de-açúcar vai sofrer impacto do clima, diz CEO da BP-Bunge; invistaja.info;

GLEBA PALHANO | mercados | invistaja.info – Cana-de-açúcar vai sofrer impacto do clima, diz CEO da BP-Bunge

REFLEXÃO: Tim Hanson, da Motley Fool: Compre ações impressionantes por preços que não refletem sua grandiosidade.

Tópicos mais acessados:

Vale anuncia acordo que encerra greve de dois meses em unidade no Canadá; analistas veem desdobramento positivo

Ibovespa Futuro opera entre perdas e ganhos depois de forte alta na véspera; dólar vira para alta após dado fraco dos EUA

EUA criam 330 mil empregos no setor privado em julho, mostra Relatório ADP, dado bem abaixo do esperado

Ibovespa Futuro opera entre perdas e ganhos depois de forte alta na véspera e com Copom no radar; dólar cai

Seja anunciante no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade