China pausa registro de novos fundos imobiliários residenciais

País suspendeu autorização para que fundos de private equity levantem recursos para investir em empreendimentos imobiliários residenciais
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Negociando na bolsa de valores

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: China pausa registro de novos fundos imobiliários residenciais; invistaja.info;


BRGE12 | PSR: 24.446 | Liq.2meses: 1072.43 | EV/EBIT: 2.75 | P/EBIT: -1.19 | EV/EBITDA: 2.76 | Pat.Liq: 1241560000.0

ListenToMarket: China pausa registro de novos fundos imobiliários residenciais – Áudio gerado às: 10:10:54

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

(invistaja.info) — A China suspendeu a autorização para que fundos de private equity levantem recursos para investir em empreendimentos imobiliários residenciais, bloqueando uma das últimas fontes de financiamento estáveis para o setor em crise.

A Associação de Gestão de Ativos da China (AMAC, na sigla em inglês) informou verbalmente empresas de private equity que não aceitaria mais os registros necessários para criar fundos para investir em projetos, disseram pessoas a par da decisão, que não quiseram ser identificadas. Os pedidos já feitos também serão negados, enquanto os fundos existentes não serão afetados, disseram as fontes.

A suspensão aumenta os desafios para incorporadoras imobiliárias chinesas depois que reguladores restringiram os canais de financiamento, incluindo empréstimos bancários e fundos fiduciários, como parte de uma campanha nos últimos anos para reduzir os riscos. Algumas das maiores incorporadoras do país, como o China Evergrande, enfrentam enormes dívidas acumuladas durante os anos de expansão do mercado imobiliário chinês, e o setor agora lidera um aumento recorde da inadimplência no mercado de títulos da China.

+Safra de grãos deve cair com geadas e seca e pressionar preços de alimentos

Como as vias tradicionais de financiamento foram bloqueadas, empresas imobiliárias recorreram a fundos de private equity apoiados por indivíduos e instituições de alto patrimônio líquido para captar recursos, muitas vezes usando terrenos ou receitas de fluxo de caixa das vendas do projeto como garantia. Investimentos em fundos de private equity focados no mercado imobiliário somaram 843 bilhões de yuans (US$ 130 bilhões) em 2020, ou 13,5% do total do setor, de acordo com relatório da AMAC.

hotWords: residenciais imobiliários novos registro

Anuncie no invistaja.info

A AMAC não respondeu de imediato a pedidos de comentário.

palavras-chave: China pausa registro de novos fundos imobiliários residenciais; invistaja.info;

CALIFORNIA | mercados | invistaja.info – China pausa registro de novos fundos imobiliários residenciais

REFLEXÃO: Harold Pollack, da Universidade de Chicago: Guarde entre 15 e 20% e invista em fundos de índices com taxa baixa.

Notícias relacionadas:

Qualicorp anuncia compra do Grupo Elo por R$ 129,5 milhões

Assaí (ASAI3) aprova desdobramento de ações na proporção de um para cinco a partir desta quinta-feira

Ibovespa Futuro opera em queda com reforma do IR, resultados e dados dos EUA no radar

Ibovespa Futuro opera entre perdas e ganhos com reforma do IR, resultados e dados dos EUA no radar

Anuncie no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade