Com destaque para atacarejo, Assaí registra números mais fortes do que o Carrefour no 2º tri, apontam analistas

Analistas veem performance sólida de vendas mesmas lojas, apesar de maiores restrições impostas pela Covid-19 e base de comparação mais forte de 2020
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Investindo como um profissional

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Com destaque para atacarejo, Assaí registra números mais fortes do que o Carrefour no 2º tri, apontam analistas; invistaja.info;


BPAC5 | DY: 0.007 | EV/EBITDA: 0.0 | Liq.2meses: 528054.0 | P/Ativo: 0.0 | Liq.Corr.: 0.0 | P/L: 16.5

ListenToMarket: Com destaque para atacarejo, Assaí registra números mais fortes do que o Carrefour no 2º tri, apontam analistas – Áudio gerado às: 12:30:50

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

LONDRINA | invistaja.info — O Assaí (ASAI3) e o Carrefour Brasil (CRFB3) reportaram na noite da última terça-feira (27) resultados acima do esperado no segundo trimestre de 2021. No período, o destaque de ambas as companhias ficou por conta do segmento de “atacarejo”, que une o varejo ao atacado.

Na avaliação da XP, a operação de atacarejo apresentou uma performance sólida de vendas mesmas lojas, apesar de maiores restrições impostas pela Covid-19 no semestre e de uma base de comparação mais forte no mesmo período de 2020, quando houve o movimento de abastecimento por parte dos consumidores em meio ao início da pandemia.

“Esperamos que o segmento siga com uma performance positiva pela frente, uma vez que a reabertura e aceleração da vacinação deve impulsionar a demanda do segmento B2B (bares, restaurantes, transformadores e utilizadores), enquanto esperamos que parte do movimento de pessoa física para o canal seja estrutural”, escrevem os analistas em relatório.

+FMI eleva projeção para PIB do Brasil a 5,3% em 2021, mas baixa a 1,9% em 2022

Para a XP, o resultado do Assaí foi mais forte por conta da combinação de um forte crescimento de receita e melhor rentabilidade entre os meses de abril e junho.

O segmento de varejo do Carrefour reportou resultados fracos por conta de uma base forte de comparação, enquanto o Banco Carrefour foi um destaque positivo, com os resultados voltando para os níveis pré-pandemia, escreve o time de análise da XP.

Nesta quarta-feira (28), por volta das 12h, os papéis ASAI3 e CRFB3 apresentavam queda de mais de 2% na Bolsa, negociados a R$ 87,14 e R$ 19,26, respectivamente.

Assaí: uma história de crescimento

Na XP, os papéis ASAI3 são os preferidos no setor de varejo alimentar. Com a expectativa de que a companhia continue a entregar resultados sólidos nos próximos trimestres, a casa tem recomendação de compra para os papéis e preço-alvo de R$ 120 – o que implica potencial de alta de 34,8% ante o fechamento do último pregão (27).

A avaliação é compartilhada pelo Bradesco BBI, que vê as ações entre as mais atraentes do setor, negociando com múltiplo preço sobre lucro (P/L) para 2022 de 16 vezes, enquanto oferece uma taxa média de crescimento ponderado (CAGR) de três anos para o lucro de 18%.

Leia também:• Assaí lucra R$ 305 milhões no 2º trimestre e vê receita crescer 22%

Segundo os analistas, o Assaí segue apresentando forte crescimento de dois dígitos, sustentado por sua exposição de 100% ao segmento de C&C (Cash & Cary), de alto crescimento e rápida expansão de lojas.

“Com 19 inaugurações nos últimos 12 meses e aproximadamente mais 25 até o final do ano, continuamos convencidos de que há muito potencial de crescimento por meio de lojas adicionais”, avalia o banco.

O Bradesco BBI manteve sua recomendação de compra para os papéis ASAI3 e elevou sua projeção de preço-alvo para 2022 de R$ 125 para R$ 130 (upside de 46,1%), dado que aumentou suas estimativas de lucro líquido para o período de 2021 a 2023 em cerca de 3% a 4%.

Assaí também é destaque entre as companhias acompanhadas pelo Itaú BBA, uma vez que o banco espera ver um crescimento ameno de receita e/ou uma rentabilidade mais pressionada no confronto anual para os demais operadores do segmento.

hotWords: fortes destaque assaí números para analistas atacarejo,

Anuncie no invistaja.info

Os analistas permanecem confiantes e com recomendação de compra para os papéis da companhia, principalmente porque o cenário sugere uma contração mais rápida do preço sobre lucro em relação aos pares.

O banco estima um preço-alvo de R$ 100 para as ações do Assaí, o que implica potencial de alta de 12,4% ante os patamares atuais.

Já o Morgan Stanley destaca, em relatório, que o formato de cash & carry ainda é relativamente pouco penetrado nos mercados endereçáveis da vareijsta.

No segmento de B2C, C&C representa apenas 15% da indústria, enquanto no B2B corresponde a 21% das vendas totais. “Nesses níveis, vemos espaço para uma continuidade do crescimento nesse formato”, escreve.

Carrefour: foco no Atacadão

Com relação ao Carrefour, o Bradesco BBI escreve que, embora uma queda nos lucros (de 4% no Ebitda na base anual e de 17% no lucro líquido) seja sempre decepcionante, as taxas de crescimento de dois anos (levando em consideração a base de comparação mais forte) são saudáveis, embora não espetaculares.

Leia mais:• Carrefour registra queda de 16,8% no lucro no 2º tri

Segundo os analistas, o principal motor de crescimento e retorno (Atacadão) continua apresentando forte crescimento, mesmo com o indicador de vendas mesmas lojas (SSS, na sigla em inglês) mais baixo dada uma base de comparação anual mais forte.

O Atacadão também deve se beneficiar via expansão, avalia o BBI, com as lojas Makro adquiridas começando agora a dar uma contribuição significativa – o que permite a visão de que há espaço para expansão adicional.

O time de análise chama atenção ainda para a aquisição do Grupo BIG, que está sob análise das autoridades de defesa da concorrência, e que oferece, segundo o Bradesco BBI, “espaço significativo para a criação de valor”.

Com isso, o banco escreve que continua vendo bom valuation oferecido pelos papéis do Carrefour, com múltiplo preço sobre lucro (P/L) para 2022 de 14 vezes. O BBI tem recomendação de compra para as ações CRFB3, com preço-alvo de R$ 28 – potencial de upside de 41,4%.

A XP, por sua vez, manteve sua recomendação neutra para as ações de Carrefour Brasil, uma vez que avalia que as margens devem seguir pressionadas por conta da estratégia da companhia. A casa vê ainda que o segmento do varejo pode continuar a enfrentar alguns desafios de curto prazo por conta da retomada econômica.

Já os analistas do Itaú BBA destacam a operação de “atacarejo” e a aceleração do resultado operacional do Banco Carrefour, que apresentou crescimento no Ebitda de 35% na comparação anual.

palavras-chave: Com destaque para atacarejo, Assaí registra números mais fortes do que o Carrefour no 2º tri, apontam analistas; invistaja.info;

CURITIBA | mercados | invistaja.info – Com destaque para atacarejo, Assaí registra números mais fortes do que o Carrefour no 2º tri, apontam analistas

REFLEXÃO: Eddy Elfenbein, dono do site Crossing Wall Street: Seja paciente e ignore modismos. Foque no valor e não entre em pânico.

Saiba mais:

Ações da WEG saltam 6% entre balanço e dividendos, enquanto Santander vira para leve queda; Vale sobe antes de resultado

Fed se reúne em meio a aumento de casos da Covid-19 e temores com inflação

Startup que busca melhor plano de saúde para cada empresa recebe R$ 100 milhões

Ações da WEG saltam 6% entre balanço e dividendos, enquanto Santander engata alta; Vale sobe antes de resultado

Seja anunciante no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade