Publicidade

Covid-19: BioNTech, Moderna e J&J trabalham em vacina contra nova variante

As três farmacêuticas serão capazes de se movimentar a uma velocidade sem precedentes, dado que as vacinas usam tecnologia de RNA mensageiro
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Negociando na bolsa de valores

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Covid-19: BioNTech, Moderna e J&J trabalham em vacina contra nova variante; invistaja.info;


PLPL3 | P/VP: 1.97 | Pat.Liq: 328039000.0 | EV/EBIT: 2.63 | Mrg.Ebit: 0.3314 | Cotacao: 3.16 | DY: 0.062

ListenToMarket: Covid-19: BioNTech, Moderna e J&J trabalham em vacina contra nova variante – Áudio gerado às: 15:10:25

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

(invistaja.info) – BioNTech, Moderna e Johnson & Johnson estão adaptando suas vacinas contra Covid-19 para lidar com a variante ômicron após a Pfizer e sua parceira dizerem que podem ter uma nova versão pronta em 100 dias, se necessário.

A BioNTech disse nesta segunda-feira que iniciou o trabalho para avançar o mais rápido possível. As primeiras etapas do desenvolvimento de uma nova vacina se sobrepõem à pesquisa necessária para avaliar se um novo imunizante será necessário – um processo que tanto ela quanto a Moderna começaram na quinta-feira passada enquanto a notícia de uma nova variante começou a se espalhar pelo mundo.

Farmacêuticas se preparam há meses para a possibilidade de precisar ajustar suas vacinas para lidar com uma nova variante. BioNTech, Pfizer e Moderna serão capazes de se movimentar a uma velocidade sem precedentes: as vacinas usam tecnologia de RNA mensageiro, o que encurta o tempo de criação de um novo imunizante para apenas alguns meses.

+BC tem estudado tema da poupança em tempos de alta nos juros, diz Campos Neto

A vacina da J&J depende de uma tecnologia diferente chamada vetor viral. A empresa disse que está testando componentes sanguíneos imunológicos de participantes de um estudo sobre dose de reforço, a fim de procurar respostas à ômicron, buscando uma vacina que tem como alvo específico a variante.

Leia também: Ômicron tem risco elevado de causar nova onda global de contaminações, diz OMS

A ômicron levantou preocupações em todo o mundo, com países implementando proibições de viagens para ganhar tempo enquanto pesquisadores verificam se ela escapará de vacinas já existentes e se espalhará mais rapidamente. Entender a nova cepa provavelmente levará várias semanas, de acordo com os cientistas.

A BioNTech e a Moderna disseram que deve ficar claro dentro de semanas se eles precisam ajustar suas vacinas. A Pfizer e sua parceira se planejaram há meses para poder preparar uma nova versão de sua vacina em 100 dias, se necessário, de acordo com uma porta-voz.

hotWords: contra vacina j&j nova moderna

Publique seu negócio no invistaja.info

É um procedimento padrão começar a desenvolver uma vacina atualizada em paralelo com a execução de testes de como a nova cepa reage com a vacina existente “para não perder tempo”, disse a BioNTech. “Os testes de laboratório fornecerão mais informações sobre a necessidade ou não de adaptação da vacina.”

As pessoas vacinadas ainda devem estar protegidas, dependendo de há quanto tempo tomaram as vacinas, e por enquanto o melhor conselho é tomar uma das vacinas atuais contra a Covid, disse ontem o diretor médico executivo da Moderna, Paul Burton, durante o programa Andrew Marr Show da BBC.

A vacina da Pfizer e da BioNTech deve ser o produto farmacêutico mais vendido de todos os tempos. A AstraZeneca disse na sexta-feira que também está investigando a variante.

palavras-chave: Covid-19: BioNTech, Moderna e J&J trabalham em vacina contra nova variante; invistaja.info;

FLORIANÓPOLIS | economia | invistaja.info – Covid-19: BioNTech, Moderna e J&J trabalham em vacina contra nova variante

REFLEXÃO: Rich Greifner, da Motley Fool: Pense a longo prazo, seja paciente e busque por retornos assimétricos.

Notícias relacionadas:

Black Friday tem faturamento abaixo do esperado, mas impacto negativo já era precificado, avaliam analistas

Vale aumenta estimativa de produção de minério de ferro para 2022

Ações da Petrobras (PETR4) têm preço-alvo elevado a R$ 44 pelo UBS-BB

Carteira gráfica da XP muda todos os nomes para esta semana; confira recomendações

Seja anunciante no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade