Empresas podem pedir aumento de carência para pagar Pronampe

Prazo foi estendido de oito para 11 meses
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Notícias do mercado financeiro

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: Empresas podem pedir aumento de carência para pagar Pronampe; invistaja.info;


NGRD3 | Mrg.Liq.: 0.0 | EV/EBITDA: 0.0 | Mrg.Ebit: 0.0 | Div.Brut/Pat.: 0.86 | P/Cap.Giro: 160.86 | ROE: 0.0

O Ministério da Economia informou hoje (9) que os bancos poderão estender o prazo de carência de pagamento do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) de oito para 11 meses. A mudança no texto do regulamento foi aprovada pela assembleia de cotistas do Fundo de Garantia de Operações (FGO), realizada ontem (8).

De acordo com a pasta, a ata da reunião será publicada ainda nesta terça-feira (9) e, na sequência, ocorrerá o envio de um comunicado oficial aos bancos.

As empresas que desejarem prorrogar a carência da linha do Pronampe devem procurar as instituições financeiras com as quais firmaram os contratos de crédito. Segundo a Economia, a mudança no prazo da carência não necessita de aprovação no Congresso, porque o trecho foi vetado na lei que institui o programa e reajustado no regulamento do FGO.

+Magazine Luiza lucra R$ 219,5 milhões no 4º trimestre; alta de 30,6%

O programa

O Pronampe foi criado em maio do ano passado pelo governo federal para auxiliar financeiramente os pequenos negócios e, ao mesmo tempo, manter empregos durante a pandemia de covid-19. As empresas beneficiadas assumiram o compromisso de preservar o número de funcionários e puderam utilizar os recursos para financiar a atividade empresarial, como investimentos e capital de giro para despesas operacionais.

hotWords: pedir para empresas pagar aumento

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

De acordo com o Ministério da Economia, o programa disponibilizou mais de R$ 37 bilhões em financiamentos para quase 520 mil micro e pequenos empreendedores.

“Originalmente, o Pronampe permitiu que o empreendedor tomasse até 30% do seu faturamento anual em empréstimos com as seguintes condições: prazo de pagamento de 36 meses, carência de até oito meses e taxa de juros de, no máximo, Selic + 1,25%. As instituições financeiras que aderiram ao Programa puderam requerer a garantia do Fundo Garantidor de Operação (FGO), regido pela Lei nº 12.087/2009, em até 100% do valor da operação”, informou a pasta.

palavras-chave: Empresas podem pedir aumento de carência para pagar Pronampe; invistaja.info;

BRASIL | negocios | invistaja.info – Empresas podem pedir aumento de carência para pagar Pronampe

REFLEXÃO: Harold Pollack, da Universidade de Chicago: Guarde entre 15 e 20% e invista em fundos de índices com taxa baixa.

Tópicos mais acessados:

Covid-19: vacina da Pfizer funciona contra a variante de Manaus, diz estudo

Produção média diária de petróleo nos EUA tem maior queda da história em 2020

Covaxin pede adiamento de reunião com a Anvisa

Oportunidade na pandemia? Como a São Carlos planeja aproveitar a fase econômica ruim para ir às compras

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.