Estados acusam Petrobras na Justiça de fazer ‘publicidade enganosa’ sobre preço da gasolina

Ação civil pública pede que a estatal suspenda propaganda sobre o tema veiculada na internet
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Notícias de investidor para investidor

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: Estados acusam Petrobras na Justiça de fazer ‘publicidade enganosa’ sobre preço da gasolina; invistaja.info;


SGPS3 | EV/EBITDA: 5.46 | P/L: -3.14 | P/VP: 0.36 | Liq.Corr.: 1.2 | ROE: -0.1137 | DY: 0.0

ListenToMarket: Estados acusam Petrobras na Justiça de fazer ‘publicidade enganosa’ sobre preço da gasolina – Áudio gerado às: 19:30:28

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

BRASIL | invistaja.info — Os governos de 12 estados, além do Distrito Federal, ingressaram com uma ação civil pública na Justiça contra a Petrobras (PETR3; PETR4) por “publicidade enganosa”.

Na ação, interposta na última sexta-feira (10) no Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios, os estados questionam uma propaganda realizada pela companhia sobre a composição do preço dos combustíveis.

A alta do custo do produto nos postos de abastecimento vem impactando a renda das famílias brasileiras e o deslocamento da produção devido às altas autorizadas pelo governo de Jair Bolsonaro (sem partido).

+BofA rebaixa ações das aéreas Gol e Azul para equivalente à venda

O litro da gasolina ficou 27% mais caro, de janeiro a agosto, segundo o Índice de Preços Ticket Log (IPTL). No mês passado, o combustível foi vendido, em média, a R$ 6,119.

Comparado a julho, a alta foi de 1,88%. A pesquisa foi realizada em 21 mil postos varejistas credenciados da Ticket Log, empresa gestora de frotas e de soluções de mobilidade.

Levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) mostra que a gasolina chegou a ser vendida a R$ 7,219 na semana de 22 a 28 de agosto, último período em que foi divulgada.

A campanha da Petrobras questionada na Justiça veicula a seguinte informação: Você [consumidor] sabia que hoje a Petrobras recebe, em média, R$ 2 a cada litro de gasolina que você utiliza?

Segundo o processo, no qual o (invistaja.info) teve acesso, os governos estaduais afirmam que a propaganda da Petrobras induz os consumidores a um erro sobre o preço do combustível e, por isso, pedem a suspensão de sua veiculação nos meios digitais.

Ao afirmar que recebe apenas R$ 2 por litro de gasolina vendido, segundo a ação, a Petrobras omite o custo do etanol anidro que é misturado ao combustível para a comercialização nos postos.

hotWords: enganosa’ fazer justiça preço gasolina estados

Publique seu negócio no invistaja.info

O etanol anidro é adicionado na proporção de 27% a cada litro da mistura.

Para os estados, essa falta de clareza na informação leva ao entendimento de que são os impostos que puxam para cima o preço do produto.

“Isso faz o consumidor crer que, o valor final do produto, seja de R$ 2 e que o restante do preço até chegar ao valor final, seja decorrente de tributos, em especial em razão da desproporcional ênfase dada à forma de incidência do ICMS [Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços”, segundo trecho da ação.

Assinam a ação civil pública o Distrito Federal e os governos de Rio Grande do Sul, Pará, Maranhão, Sergipe, Piauí, Bahia, Amazonas, Pernambuco, Espírito Santo, Goiás, Amapá e Minas Gerais.

Além da suspensão da propaganda, os autores da ação pedem à Justiça que a Petrobras seja condenada a fazer um novo informe para desfazer “o engano”, sendo o conteúdo também veiculado nas plataformas digitais da estatal. Os estados também exigem o pagamento de danos morais coletivos.

O Sindicombustíveis-DF (Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e de Lubrificantes do Distrito Federal) foi uma das entidades que declarou “apoio à ação pública ajuizada”.

Procurada, a Petrobras disse, por nota, que “vai analisar o teor da ação e avaliar as medidas cabíveis”.

Conheça o plano de ação da XP para você transformar os desafios de 2022 em oportunidades de investimento.

palavras-chave: Estados acusam Petrobras na Justiça de fazer ‘publicidade enganosa’ sobre preço da gasolina; invistaja.info;

FARIA LIMA | economia | invistaja.info – Estados acusam Petrobras na Justiça de fazer ‘publicidade enganosa’ sobre preço da gasolina

REFLEXÃO: Robert Brokamp, da Motley Fool: Diversificação reduz os riscos, aumenta a previsibilidade e impulsiona os retornos.

Leia também:

Após conselheiro pedir vista, Anatel adia leilão do 5G mais uma vez

Governo edita MP que facilita crédito habitacional a servidores da segurança

48% dos brasileiros acreditam que o Brasil deveria adotar o Bitcoin como moeda, diz pesquisa

Ibovespa fecha em alta de 1,9% com melhora no clima político e queda em casos de Covid nos EUA; dólar cai a R$ 5,22

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade