Guedes: foi interditado o debate da reforma tributária ampla, mas será retomado

O ministro enfatizou o consenso entre Congresso e estados em torno de mudanças na forma como o Brasil recolhe impostos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Informação para traders e investidores

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Guedes: foi interditado o debate da reforma tributária ampla, mas será retomado; invistaja.info;


PLAS3 | EV/EBIT: -4.65 | P/EBIT: -2.67 | Mrg.Liq.: -0.249 | PSR: 0.472 | EV/EBITDA: -29.07 | ROE: 0.5139

ListenToMarket: Guedes: foi interditado o debate da reforma tributária ampla, mas será retomado – Áudio gerado às: 7:0:29

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

O ministro da Economia, Paulo Guedes, considerou nesta quinta-feira, 22, que a agenda de reformas está evoluindo em ritmo satisfatório. Ele também avaliou que a ambição de construir uma reforma tributária ampla – após interdições colocadas pela crise sanitária e a CPI da Covid – deve ser retomada.

Durante evento promovido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) em conjunto com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), o ministro enfatizou o consenso entre Congresso e Estados em torno de mudanças na forma como o Brasil recolhe impostos, e julgou que o Senado voltará a carga na agenda econômica assim que concluir a CPI da Covid.

“Foi interditado o debate da reforma tributária ampla, mas será retomado. A reforma será bem ampla”, assinalou Guedes.

Ao tratar de mudanças feitas no capítulo da reforma que trata do imposto de renda, o ministro disse que tirou os fundos imobiliários da tributação de dividendos para não “amassar” essa indústria.

Também aproveitou o evento para destacar a atuação do governo no enfrentamento da crise sanitária, não reconhecida na imprensa porque, na avaliação dele, a busca por escândalos de corrupção é mais importante.

hotWords: debate reforma tributária será retomado

Seja anunciante no invistaja.info

“As reformas seguem em ritmo satisfatório. O Brasil atravessou o impacto econômico da pandemia de forma extraordinária”, comentou Guedes, citando também o apoio à aprovação da reforma da Previdência como prova da “maturidade política” do País.

O comandante da equipe econômica do governo Jair Bolsonaro lembrou que no ano passado a atividade econômica do Brasil caiu menos do que se previa, minimizando o impacto recessivo com a criação de 140 mil empregos líquidos. “Isso nunca tinha acontecido.”

“Eu falava em recuperação em ‘V’ do tipo Nike, mas voltou com mesma intensidade com que tinha caído”, comemorou Guedes.

O ministro voltou a prometer redução na carga de impostos, assim como nos gastos do governo e do peso da dívida pública no Produto Interno Bruto (PIB). Rebatendo críticas sobre a gestão do Orçamento diante de restrições fiscais, Guedes assegurou que, mesmo respeitando o limite de gastos da regra do teto, não faltou dinheiro para saúde. Segundo ele, as preocupações do presidente Jair Bolsonaro em relação aos “invisíveis” – ou seja, famílias socialmente mais vulneráveis – sempre foram mal interpretadas.

Guilherme Benchimol revela os segredos de gestão das maiores empresas do mundo no curso gratuito Jornada Rumo ao Topo. Inscreva-se já.

palavras-chave: Guedes: foi interditado o debate da reforma tributária ampla, mas será retomado; invistaja.info;

CALIFORNIA | mercados | invistaja.info – Guedes: foi interditado o debate da reforma tributária ampla, mas será retomado

REFLEXÃO: Rich Greifner, da Motley Fool: Pense a longo prazo, seja paciente e busque por retornos assimétricos.

Saiba mais:

Petrobras aumenta em 1,1% a produção de petróleo no 2º tri, para 2,8 milhões de barris por dia

Twitter registra receita de US$ 1,19 bilhão no 2º trimestre, alta de 74% e maior crescimento desde 2014

Ibovespa fecha em leve alta seguindo Wall Street apesar de desempenho fraco das blue chips; dólar sobe a R$ 5,21

Ação da Multilaser (MLAS3) fecha com disparada de 16,67% em pregão de estreia na Bolsa

Seja anunciante no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.