PF faz operação em caso de importação e aplicação de vacinas por empresários em MG

A investigação foi aberta na quinta-feira pelo Ministério Público Federal em Minas Gerais
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Negociando na bolsa de valores

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: PF faz operação em caso de importação e aplicação de vacinas por empresários em MG; invistaja.info;


KLBN11 | EV/EBIT: 18.11 | P/VP: 8.42 | Pat.Liq: 3810300000.0 | EV/EBITDA: 9.88 | Liq.Corr.: 2.98 | P/L: -12.9

BRASÍLIA (invistaja.info) – A Polícia Federal fez nesta sexta-feira uma operação para investigar a denúncia de importação e aplicação irregular de vacinas contra Covid-19 por um grupo de empresários de Minas Gerais.

Estavam sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão em Belo Horizonte, onde, de acordo com reportagem da revista Piauí, empresários de empresas mineiras e suas famílias estavam recebendo as vacinas. Ainda de acordo com a revista, as vacinas importadas irregularmente seriam do laboratório Pfizer.

A investigação foi aberta na quinta-feira pelo Ministério Público Federal em Minas Gerais. De acordo com o MP, se os fatos forem confirmados podem indicar importação ilegal de medicamentos e violação, se foi feita antes da aprovação da lei que autorizou a importação por Estados, municípios e entidades privadas.

+O trader que ganhou 1.012.069% e não tem canal no YouTube

Se foi posterior, inclui o crime de descaminho, já que a lei obrigada a doação das vacinas importadas ao Sistema Único de Saúde enquanto todos os grupos prioritários não estiverem vacinados.

A Pfizer negou em nota qualquer venda ou distribuição da vacina da empresa no Brasil fora do âmbito do Programa Nacional de Imunização (PNI), e lembrou que o imunizante ainda não está disponível no território brasileiro.

hotWords: vacinas aplicação operação empresários

Anuncie no invistaja.info

A empresa lembrou ter firmado um acordo com o Ministério da Saúde para o fornecimento de 100 milhões de doses ao longo deste ano, com as primeiras entregas em abril.

Citada na reportagem, a empresa ArcelorMittal disse, em nota, que nunca comprou nenhuma vacina para o combate da Covid-19, e que sua empresa de gestão de saúde, a Abertta Saúde, atua como posto avançado de vacinação do SUS em Belo Horizonte e Contagem.

“A ArcelorMittal desconhece qualquer atuação de seus profissionais em atos correlacionados à vacinação fora dos protocolos do Ministério da Saúde e do Programa Nacional de Imunização – PNI”, afirmou.

O processo de vacinação contra a Covid-19 no Brasil tem sido lento desde meados de janeiro, o que tem contribuído para o pior momento da pandemia no país, com média de mortes superior a 2.000 por dia nas últimas semanas.

Participe do Treinamento gratuito Scalper Pro e entenda como extrair lucro e controlar riscos na Bolsa em operações que duram minutos ou segundos! Inscreva-se aqui.

palavras-chave: PF faz operação em caso de importação e aplicação de vacinas por empresários em MG; invistaja.info;

CALIFORNIA | economia | invistaja.info – PF faz operação em caso de importação e aplicação de vacinas por empresários em MG

REFLEXÃO: Bill Mann, da Motley Fool Asset Management: Busque investir em conjunto com grandes gestores, depois, é só ser paciente.

Notícias relacionadas:

Colômbia aprova uso emergencial de vacina contra Covid da J&J

Argentina diz que restringirá voos do Brasil, Chile e México

Vacina contra Covid-19: Sputnik V tem novo pedido de uso emergencial na Anvisa

B3 anuncia mudanças na metodologia do índice de BDRs, com exigência de maior liquidez

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade