Walmart nega que irá aceitar pagamento com Litecoin e criptomoeda vira para queda após disparar 30%

Bitcoin também reverteu o movimento de forte alta após site divulgar notícia falsa sobre a novidade de pagamento no Walmart
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Notícias de trader para trader

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Walmart nega que irá aceitar pagamento com Litecoin e criptomoeda vira para queda após disparar 30%; invistaja.info;


BKBR3 | Pat.Liq: 1582370000.0 | P/VP: 1.5 | Mrg.Ebit: -0.1455 | EV/EBIT: -7.62 | EV/EBITDA: -1379.64 | ROE: -0.2924

ListenToMarket: Walmart nega que irá aceitar pagamento com Litecoin e criptomoeda vira para queda após disparar 30% – Áudio gerado às: 12:30:18

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

LONDRINA | invistaja.info — Após chegarem a disparar por um breve momento, criptomoedas como Bitcoin (BTC) e Litecoin (LTC) voltaram a cair em poucos minutos nesta segunda-feira (13) em meio a boatos de que a rede varejista Walmart havia fechado um acordo com a Fundação Litecoin para aceitar a moeda como meio de pagamento em suas lojas.

Durante a manhã, o site GlobeNewswire divulgou um comunicado de imprensa em que o CEO do Walmart, Doug McMillon, informava que a partir de 1º de outubro a rede iria aceitar em todas as suas lojas a modalidade de pagamento com Litecoin.

A notícia fez o preço da criptomoeda disparar mais de 30% rapidamente, saindo de uma cotação de US$ 175,51 para US$ 231,11 em apenas 20 minutos. O Bitcoin acompanhou o movimento, também saltando cerca de US$ 2 mil em valor.

+Crise logística pressiona preços e gera risco de desabastecimento: é hora de antecipar as compras do Natal?

Porém, logo que o mercado se animou com a novidade, um porta-voz do Walmart veio a público negar a notícia, fazendo com que as moedas virtuais revertessem toda a valorização.

hotWords: após pagamento aceitar vira walmart disparar

Seja anunciante no invistaja.info

Na nota falsa, havia inclusive aspas de McMillon dizendo que “integrando a Litecoin, permitiremos que os consumidores tenham uma experiência de pagamento muito tranquila, com confirmação de transação quase instantânea e taxas quase nulas, independentemente de onde estejam”.

A conta verificada nas redes sociais da Litecoin chegou a compartilhar a notícia, mas apagou a mensagem logo que o Walmart negou o fato.

Com isso, por volta das 11h50 (horário de Brasília), as criptomoedas voltavam a registrar perdas no acumulado de 24 horas. O Litecoin recuava 2,12%, cotado a US$ 179,54, ao passo que o Bitcoin tinha queda de 4%, para US$ 44.083.

Invista nos fundos de criptomoedas mais acessíveis do mercado: abra uma conta gratuita na XP!

palavras-chave: Walmart nega que irá aceitar pagamento com Litecoin e criptomoeda vira para queda após disparar 30%; invistaja.info;

BRASIL | mercados | invistaja.info – Walmart nega que irá aceitar pagamento com Litecoin e criptomoeda vira para queda após disparar 30%

REFLEXÃO: Morgan Housel: Se preocupe somente quando você achar que tiver tudo resolvido.

Veja também:

Carteira gráfica da XP tem SulAmerica como destaque e não faz trocas esta semana

Oposição argentina triunfa sobre peronistas em primária legislativa

Ações de Méliuz têm nova alta, Magalu e outras varejistas sobem após forte queda na sexta; Vale tem leve queda com minério

Restrições ao setor de Internet pesam sobre ações chinesas

Anuncie no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade