China: PIB cresce 18,3% na comparação anual no 1º trimestre; previsão era de alta de 19,2%

Escritório Nacional de Estatística do país também divulgou dados de indústria, varejo e ativos fixos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Informação para o trader investidor

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: China: PIB cresce 18,3% na comparação anual no 1º trimestre; previsão era de alta de 19,2%; invistaja.info;


BAHI3 | DY: 0.0 | ROIC: -0.0057 | EV/EBIT: -56.18 | Mrg.Liq.: -0.2327 | PSR: 0.857 | P/L: -3.67

ListenToMarket: China: PIB cresce 18,3% na comparação anual no 1º trimestre; previsão era de alta de 19,2% – Áudio gerado às: 7:10:47

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

O Produto Interno Bruto (PIB) da China avançou 18,3% no primeiro trimestre de 2021 em relação a igual período do ano anterior, informou o Escritório Nacional de Estatística do país (NBS, na sigla em inglês) nesta quinta-feira. A taxa recorde de crescimento foi puxada pela depressão induzida pelo COVID-19 no início de 2020.

A expansão do PIB nos três primeiros meses do ano superou em muito a alta interanual registrada no último trimestre de 2020, de 6,5%. Mesmo assim, o resultado ficou abaixo da expectativa de economistas ouvidos pelo Wall Street Journal, que previam avanço de 19,2%.

Na margem, a economia chinesa registrou expansão de 0,6%. O resultado representa desaceleração em relação ao ritmo observado no quarto trimestre de 2020, quando houve crescimento de 2,6% nessa base.

+ROI Hunters, da V4 Company, agora é o podcast do InfoMoney

Analistas antecipavam um forte crescimento do PIB chinês na comparação com o primeiro trimestre de 2020, quando a economia do país sofreu uma contração recorde de 6,8% em meio às medidas de restrição adotadas para conter a propagação do coronavírus.

Produção industrial

A produção industrial da China avançou 14,1% em março em relação a igual mês do ano anterior. O resultado ficou abaixo da expectativa de economistas consultados pelo Wall Street Journal, que previam alta de 16,5% para o indicador.

O dado de março representou arrefecimento em relação à alta de 35,1% registrada na comparação anual no primeiro bimestre. Na margem, a produção industrial cresceu 0,6% no mês, também uma desaceleração em relação à alta de 0,69% observada em fevereiro ante janeiro.

hotWords: anual alta previsão 18,3% 19,2%

Anuncie no invistaja.info

Vendas no varejo

As vendas no varejo da China cresceram 34,2% em março em relação a igual mês de 2020, informou o NBS. O resultado superou as expectativas de economistas ouvidos pelo Wall Street Journal, que esperavam avanço de 28%.

A expansão superou o ritmo registrado no primeiro bimestre do ano, quando as vendas tiveram alta de 33,8% na comparação interanual. Na margem, as vendas do varejo cresceram 1,75% em março, uma aceleração em relação à alta de 0,56% de fevereiro.

Ativos fixos

Os investimentos em ativos fixos da China tiveram alta de 25,6% no primeiro trimestre de 2021 em relação a igual período de 2020. O crescimento ficou aquém da previsão de economistas consultados pelo Wall Street Journal, que esperavam expansão de 26,4%.

O resultado do primeiro trimestre mostrou arrefecimento na comparação com o crescimento de 35% registrado na comparação anual em janeiro e fevereiro.

Quer entender o que é o mercado financeiro e como ele funciona? Assista à série gratuita Carreira no Mercado Financeiro e conheça o setor da economia que paga os melhores salários de 2021.

palavras-chave: China: PIB cresce 18,3% na comparação anual no 1º trimestre; previsão era de alta de 19,2%; invistaja.info;

CALIFORNIA | economia | invistaja.info – China: PIB cresce 18,3% na comparação anual no 1º trimestre; previsão era de alta de 19,2%

REFLEXÃO: Tim Hanson, da Motley Fool: Compre ações impressionantes por preços que não refletem sua grandiosidade.

Tópicos mais acessados:

Estratégia de analista rende dois ganhos de mais de 170% em um mês

Juntas, Cia. Hering e Arezzo ganham R$ 1,4 bilhão de valor de mercado em um dia, mesmo após fusão ser negada

Dólar cai com apetite global por risco, mas desconfiança fiscal limita alívio

Pandemia faz turismo acumular prejuízo de R$ 312,6 bi desde março de 2020

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade