Continuidade do auxílio emergencial quebraria o Brasil, diz Bolsonaro

Eventual retomada do auxílio emergencial – que foi encerrado em dezembro – tem sido objeto de discussões de candidatos ao comando da Câmara e Senado
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Brasil | invistaja –

BRASÍLIA (Reuters) – O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira que a continuidade do auxílio emergencial quebraria o Brasil e teria uma série de outras consequências desastrosas, no momento em que os principais candidatos às presidências da Câmara e do Senado defendem a discussão de algum tipo de ajuda para quem ficou sem renda durante a pandemia do novo coronavírus

palavras-chave: Continuidade do auxílio emergencial quebraria o Brasil, diz Bolsonaro; invistaja.info;

Em transmissão da sua live semanal, Bolsonaro lamentou novamente as mortes e infecções pela doença, mas disse que é preciso “conviver” com a Covid e que não se pode “destruir empregos”. Destacou mais uma vez que a capacidade de endividamento do país está no limite.

“Lamento, pessoal, quer que continue (o auxílio emergencial), vai quebrar o Brasil, vem inflação, descontrole da economia, vem um desastre e todo mundo aí pagar caríssimo”, disse ele.

+Grupo de investidores tenta reproduzir “caso GameStop” com IRB e ações disparam; analistas alertam para riscos

Uma eventual retomada do auxílio emergencial –que foi encerrado em dezembro– tem sido objeto de discussões de candidatos ao comando das duas Casas Legislativas e deve voltar com força na agenda política no retorno dos parlamentares ao trabalho, a partir da próxima semana.

Bolsonaro voltou a criticar restrições de movimentação de pessoas e de abertura de estabelecimentos impostas por governadores e prefeitos que visam a reduzir o contágio do coronavírus.

Mais uma vez, o presidente defendeu o tratamento precoce de pacientes com a doença com o uso de medicamentos que não tem comprovação científica da sua eficácia.

Quer ser trader e tem medo de começar? O te ajuda a chegar lá:

BRASIL | economia | invistaja.info – Continuidade do auxílio emergencial quebraria o Brasil, diz Bolsonaro

palavras-chave: Continuidade do auxílio emergencial quebraria o Brasil, diz Bolsonaro; invistaja.info;

Veja também:

Omega precifica oferta de ações, XP corta recomendação de Sanepar, negociação entre Raízen e Biosev avança e mais

Brasil é pior país a lidar com pandemia de Covid, diz estudo

Termina hoje prazo para adesão de empresas ao Simples Nacional

Os 5 assuntos que vão movimentar o mercado nesta sexta-feira (29/1)

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.