Dividendos da Petrobras podem ajudar governo a conter preços de combustíveis

A maior beneficiada, com R$ 15,4 bilhões, será a União, sócia majoritária da petrolífera
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Informação de quem vive o mercado

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: Dividendos da Petrobras podem ajudar governo a conter preços de combustíveis; invistaja.info;


TFCO4 | Liq.Corr.: 3.23 | PSR: 55.933 | Pat.Liq: 208870000.0 | Div.Brut/Pat.: 0.35 | ROIC: 0.196 | P/EBIT: 320.75

ListenToMarket: Dividendos da Petrobras podem ajudar governo a conter preços de combustíveis – Áudio gerado às: 18:20:33

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

A Petrobras (PETR3;PETR4) está disposta a ajudar o governo, mas não com subsídios aos combustíveis. A empresa vai antecipar o pagamento de R$ 32 bilhões em dividendos a seus acionistas. A maior beneficiada, com R$ 15,4 bilhões, será a União, sócia majoritária da petrolífera. Além disso, a estatal trabalha com o Ministério de Minas e Energia (MME) para criar um fundo de estabilização dos preços dos combustíveis. A ideia é, com o dinheiro, aliviar os consumidores, que estão pagando cada vez mais caro pelos produtos da estatal, à medida que a cotação do petróleo dispara no exterior.

O incômodo do governo com a política de preços da Petrobras derrubou Roberto Castello Branco da presidência da estatal. Seu sucessor, Joaquim Silva e Luna, assumiu o cargo com a incumbência de atenuar os efeitos da valorização dos combustíveis no orçamento das famílias e, ao mesmo tempo, garantir o retorno financeiro aos acionistas. Diante da persistência da alta dos preços, o presidente Jair Bolsonaro voltou a se manifestar sobre a Petrobras nos últimos dias. Ele disse estudar com a empresa a criação de um vale-gás.

“A Petrobras terá um fundo de R$ 3 bilhões para um vale-gás. A proposta está bem avançada. A ideia é dar um botijão de gás a cada dois meses para o pessoal do Bolsa Família”, disse Bolsonaro a uma rádio do Rio Grande do Norte, na última quarta-feira.

+Covid-19: estados pedem apoio do governo para combate à variante Delta

A Petrobras nega. A empresa disse que, ao menos por enquanto, está ajudando apenas com ideias, que poderão ser usadas na definição do fundo de estabilização dos preços, segundo o diretor de comercialização e logística da estatal, Claudio Mastella, ao detalhar a analistas as demonstrações financeiras do segundo trimestre, quando a companhia registrou lucro de R$ 42,8 bilhões.

Leia mais: Petrobras ganha R$ 30,7 bi de valor com altos dividendos “emocionando” investidores; analistas destacam que mais está por vir

Uma das causas desse resultado é a política de paridade de importação adotada pela empresa, que alinha os seus preços aos do mercado internacional. A diferença, agora, é que ela está demorando mais tempo a repassar ao consumidor as volatilidades externas.

Indiretamente, no entanto, a estatal já está ajudando o governo. Neste mês, vai pagar antecipadamente uma parcela dos R$ 11,6 bilhões em dividendos destinados à União pelo resultado do fechamento de 2021. Considerando outras parcelas já pagas, o Tesouro vai ficar com R$ 15,4 bilhões de retorno pelo controle da estatal. Trata-se da maior distribuição de dividendos pela estatal desde 2018.

hotWords: combustíveis preços conter dividendos petrobras

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

Reações

A antecipação dos dividendos foi bem recebida pelo mercado, que viu na medida a melhor solução para evitar possíveis intervenções políticas na gestão da empresa para baixar os preços dos combustíveis. “O Fundo Brasil, a ser integrado pela rede de resultados que a União tem direito e por recursos de privatizações e de venda de imóveis públicos, alinharia o interesse da Petrobras, minoritários e controlador”, disse o UBS, em relatório, projetando para 2022 dividendos de U$ 15 bilhões.

O Fundo Brasil é uma proposta do ministro da Economia, Paulo Guedes, para pagar precatórios e benefícios sociais. Mas não foi definido, por enquanto, se o fundo de estabilização dos preços dos combustíveis terá relação com o Fundo Brasil. De qualquer forma, a ideia de utilizar os ganhos com as estatais para solucionar lacunas econômicas agrada o mercado.

O Bradesco BBI avaliou que a “Petrobras deve se tornar uma poderosa e sustentável pagadora de dividendos”. Em relatório, o banco disse que os proventos podem aumentar nos próximos dez anos. “Um risco importante agora é a aproximação das eleições presidenciais de 2022.”

palavras-chave: Dividendos da Petrobras podem ajudar governo a conter preços de combustíveis; invistaja.info;

CALIFORNIA | mercados | invistaja.info – Dividendos da Petrobras podem ajudar governo a conter preços de combustíveis

REFLEXÃO: Morgan Housel: Se preocupe somente quando você achar que tiver tudo resolvido.

Tópicos mais acessados:

Relatório de Emprego mostrou que americanos estão voltando ao trabalho, diz Casa Branca

Instituto XP e Nova Escola fazem parceria para levar educação financeira a professores e alunos da rede pública

Radar da próxima semana: balanços de Eletrobras, JBS, Marfrig, BRF, Natura, Sabesp e de mais companhias são destaque

Ibovespa fecha em alta e acumula ganho de 0,8% na semana apesar de política; dólar avança a R$ 5,23

Seja anunciante no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade