Excluir gastos adicionais da Covid-19 do teto é negativo para perfil de crédito do país, diz Moody’s

Atualmente, a Moody’s atribui rating “Ba2” para o crédito soberano do Brasil, abaixo do chamado grau de investimento, com perspectiva estável
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Investindo como um profissional

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: Excluir gastos adicionais da Covid-19 do teto é negativo para perfil de crédito do país, diz Moody’s; invistaja.info;


CSRN6 | PSR: 0.908 | EV/EBITDA: 6.99 | P/Ativo: 0.55 | Div.Brut/Pat.: 1.28 | P/L: 7.42 | Liq.2meses: 6562.66

ListenToMarket: Excluir gastos adicionais da Covid-19 do teto é negativo para perfil de crédito do país, diz Moody’s – Áudio gerado às: 16:30:45

VELOCIDADE: 1.0x| 1.95x| 2.3x

BRASÍLIA (invistaja.info) – A agência de classificação de risco Moody’s classificou nesta quinta-feira como “negativa” para o perfil de crédito do Brasil a decisão do governo de excluir despesas adicionais relacionadas à Covid-19 do mecanismo do teto de gastos.

“No entanto, devido ao moderado montante dos gastos adicionais, e a recente aprovação de emenda constitucional para garantir que despesas mandatórias fiquem dentro do teto de gastos nos próximos anos, esperamos que as autoridades mantenham seu compromisso com a consolidação fiscal, em linha com o nosso cenário-base”, afirmou em nota a vice-presidente da agência, Samar Maziad.

Atualmente, a Moody’s atribui rating “Ba2” para o crédito soberano do Brasil, abaixo do chamado grau de investimento, com perspectiva estável.

+Conselho Nacional de Secretários da Saúde aponta falhas no combate à Covid-19 e pede recursos ao Senado

Ainda de acordo com Maziad, em um cenário de criação de “exceções recorrentes” de forma a acomodar gastos acima do teto de gastos, “a credibilidade do instrumento como âncora fiscal será questionada, com implicações negativas para o custo e a dinâmica da dívida do Brasil”.

Na véspera, o presidente Jair Bolsonaro sancionou o projeto de lei que altera a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

hotWords: negativo covid-19 moody’s perfil país, excluir

Publique seu negócio no invistaja.info

Aprovado pelo Congresso Nacional na segunda-feira, o projeto abre caminho para a sanção do Orçamento de 2021, que vinha enfrentando impasse e tem como prazo máximo esta quinta-feira.

Os ajustes à LDO de 2021 incluem a flexibilização de regras para despesas com enfrentamento à pandemia da Covid-19 e permitem que o governo corte por decreto (e não por lei, como normalmente ocorre) despesas discricionárias para garantir o atendimento à totalidade das despesas obrigatórias.

Na terça-feira, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o entendimento fechado pelo governo com o Congresso em torno do Orçamento deste ano atende ao duplo compromisso do governo com a saúde e a responsabilidade fiscal e que apenas despesas delimitadas ficarão de fora da regra do teto de gastos.

palavras-chave: Excluir gastos adicionais da Covid-19 do teto é negativo para perfil de crédito do país, diz Moody’s; invistaja.info;

BRASIL | mercados | invistaja.info – Excluir gastos adicionais da Covid-19 do teto é negativo para perfil de crédito do país, diz Moody’s

REFLEXÃO: Tim Hanson, da Motley Fool: Compre ações impressionantes por preços que não refletem sua grandiosidade.

Tópicos mais acessados:

Conselho Nacional de Secretários da Saúde aponta falhas no combate à Covid-19 e pede recursos ao Senado

O que a baixa das vendas da Heineken no Brasil indica sobre os resultados da Ambev?

Amec: voto múltiplo e à distância para eleição de conselheiros da Petrobras se mostrou falho

Moody’s alerta sobre exclusão do teto de gasto ligado à covid no Brasil

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade