Governador de Nova York renuncia após revelações de assédio sexual

Andrew Cuomo informou que sua renúncia entrará em vigor em 14 dias
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Negociando na bolsa de valores

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: Governador de Nova York renuncia após revelações de assédio sexual; invistaja.info;


ECPR4 | P/VP: 1.0 | Pat.Liq: 162368000.0 | Liq.Corr.: 1.12 | PSR: 0.0 | P/L: -7.8 | EV/EBITDA: -80.14

ListenToMarket: Governador de Nova York renuncia após revelações de assédio sexual – Áudio gerado às: 14:20:22

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

NOVA YORK (invistaja.info) – O governador de Nova York, Andrew Cuomo, anunciou nesta terça-feira sua renúncia do cargo, após uma investigação que revelou que ele assediou sexualmente 11 mulheres, aumentando a pressão legal e pedidos do presidente Joe Biden e outros para sua saída, uma queda surpreendente para um homem visto como um possível candidato à Presidência dos Estados Unidos.

Cuomo, um democrata que servia desde 2011 como governador do quarto Estado mais populoso dos Estados Unidos, fez o anúncio depois que a procuradora-geral de Nova York, Letitia James, em 3 de agosto, divulgou os resultados de uma investigação independente de cinco meses que concluiu que ele havia se envolvido em conduta que violou leis federais e estaduais.

O governador informou que sua renúncia entrará em vigor em 14 dias.

+Reforma do Imposto de Renda: entenda as mudanças que poderão atingir fundos de ações, FIDCs e FIPs

A investigação, detalhada em um relatório de 168 páginas, concluiu que Cuomo apalpou, beijou ou fez comentários sugestivos para mulheres, incluindo atuais e ex-funcionários do governo –uma delas policial estadual– e retaliou pelo menos uma mulher que o acusou de má conduta sexual. Cuomo nega qualquer irregularidade.

hotWords: governador york renuncia assédio nova

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

A vice-governadora Kathy Hochul, uma democrata do oeste de Nova York, assumirá como governadora do Estado de mais de 19 milhões de pessoas até o final do mandato de Cuomo em dezembro de 2022, conforme definido na Constituição estadual, tornando-se a primeira mulher a ocupar o cargo.

A renúncia de Cuomo marca a segunda vez em 13 anos que um governador de Nova York renuncia após um escândalo –em 2008 foi Eliot Spitzer que deixou o cargo por envolvimento com prostitutas. Cuomo também se tornou o mais recente homem poderoso derrubado após a ascensão do movimento social #MeToo contra o abuso e assédio sexual que abalou a política, Hollywood, o mundo dos negócios e os locais de trabalho.

Sua renúncia poupou Cuomo de uma possível destituição do cargo por meio de um processo de impeachment na Assembleia estadual. Uma investigação de impeachment em andamento apenas prometeu se intensificar.

palavras-chave: Governador de Nova York renuncia após revelações de assédio sexual; invistaja.info;

BRASIL | mercados | invistaja.info – Governador de Nova York renuncia após revelações de assédio sexual

REFLEXÃO: Eddy Elfenbein, dono do site Crossing Wall Street: Seja paciente e ignore modismos. Foque no valor e não entre em pânico.

Tópicos mais acessados:

Equity Partners: o modelo em que todos são donos do seu negócio

Os setores que estão no radar de investimentos da Itaúsa, que segue interessada em expandir seu portfólio

Senado dos EUA aprova pacote de infraestrutura de US$ 1,2 tri; texto vai à Câmara

Klabin: volumes de papel e preços de celulose se destacam no 2º tri; analistas esperam cenário mais estável para o setor

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade