Hackers ligados à Rússia por trás de ataque cibernético contra JBS, apontam fontes à Bloomberg

O grupo de hackers atende pelo nome de REvil ou Sodinokibi
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Informação de quem vive o mercado

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Hackers ligados à Rússia por trás de ataque cibernético contra JBS, apontam fontes à Bloomberg; invistaja.info;


BRAP4 | ROE: 0.256 | PSR: 0.0 | Liq.Corr.: 1.09 | Liq.2meses: 180759000.0 | Cresc.5anos: 0.0 | Div.Brut/Pat.: 0.0

(invistaja.info) — Um notório grupo de hackers ligado à Rússia estaria por trás do ataque cibernético contra a JBS (JBSS3), de acordo com quatro pessoas a par do ocorrido que não foram autorizadas a falar publicamente sobre o assunto. O grupo de hackers atende pelo nome de REvil ou Sodinokibi.

Embora não esteja claro se todos os hackers do REvil operam na Rússia, a figura pública do grupo, um usuário chamado “Unknown” que participa do fórum XSS de crimes cibernéticos da dark web, publica exclusivamente em russo. O REvil normalmente usa um blog na dark web chamado “Happy Blog” para nomear as vítimas quando elas se recusam a se envolver em negociações de resgate. O REvil ainda não postou um item no blog dedicado à JBS.

A empresa disse na terça-feira que fez “progresso significativo” para resolver o ataque cibernético que afetou as operações nesta semana de suas processadoras de carne na América do Norte e na Austrália, e que as operações serão retomadas na “grande maioria” de suas unidades na quarta-feira.

+Ibovespa tem 5ª alta consecutiva e bate 128 mil pontos, renovando máxima histórica; dólar tem mínima desde dezembro

A JBS, que controla a JBS USA e a Pilgrim’s Pride, disse em comunicado por e-mail que algumas das processadoras de suínos, aves e alimentos preparados da empresa estavam operacionais e que a unidade de carne bovina no Canadá havia retomado a produção.

No início deste ano, o REvil assumiu a autoria do ataque cibernético contra a fornecedora de hardware taiwanesa Quanta Computer e, no processo, publicou projetos secretos de novos dispositivos da Apple. No ano passado, o REvil executou um ataque de ransomware contra um escritório de advocacia que teria representado alguns projetos de TV de Donald Trump.

hotWords: jbs, fontes cibernético contra hackers bloomberg

Seja anunciante no invistaja.info

Em 2019, o grupo também atacou um grupo de funcionários eleitorais do estado de Luisiana uma semana antes do dia das eleições.

O Departamento de Agricultura dos EUA disse em comunicado na noite de terça-feira que “continua a trabalhar em estreita colaboração com a Casa Branca, com o Departamento de Segurança Interna, com a JBS USA e outros para monitorar esta situação de perto e oferecer ajuda e assistência para mitigar quaisquer possíveis questões de oferta ou preço”.

Ransomware é um tipo de malware que bloqueia o acesso das vítimas às suas redes de computadores. Os cibercriminosos também costumam usar ransomware para roubar dados. Os hackers então pedem um pagamento para desbloquear os arquivos e prometem não vazar dados roubados.

Nos últimos anos, hackers visaram vítimas com apólices de seguro cibernético e enormes volumes de dados confidenciais de consumidores que os tornam mais propensos a pagar um resgate, de acordo com especialistas em segurança cibernética.

Em curso gratuito de Opções, professor Su Chong Wei ensina método para ter ganhos recorrentes na bolsa. Inscreva-se já.

palavras-chave: Hackers ligados à Rússia por trás de ataque cibernético contra JBS, apontam fontes à Bloomberg; invistaja.info;

BRASIL | mercados | invistaja.info – Hackers ligados à Rússia por trás de ataque cibernético contra JBS, apontam fontes à Bloomberg

REFLEXÃO: Rich Greifner, da Motley Fool: Pense a longo prazo, seja paciente e busque por retornos assimétricos.

Veja também:

Ibovespa Futuro opera entre perdas e ganhos em meio à tentativa de correção após 5 altas

Produção industrial cai 1,3% em abril frente março e salta 34,7% na comparação anual; resultado fica abaixo do esperado

Marco Legal das Startups aprovado: veja mudanças para negócios inovadores – e o que ficou de fora

Fleury, Dasa, Rede D’Or e Ambipar anunciam aquisições; Stone lucra R$ 158 mi no 1º tri e mais notícias

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.