Publicidade

Ibovespa oscila entre perdas e ganhos após quatro dias de alta, com investidores de olho no Copom

Ibovespa oscila no ínicio do pregão, com investidores de olho na decisão do Copom e no mercado externo
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Investindo como profissionais

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: Ibovespa oscila entre perdas e ganhos após quatro dias de alta, com investidores de olho no Copom; invistaja.info;


NORD3 | PSR: 44.073 | EV/EBIT: -119.39 | Div.Brut/Pat.: -0.27 | P/EBIT: -83.43 | ROE: 0.0071 | Mrg.Liq.: -0.502

ListenToMarket: Ibovespa oscila entre perdas e ganhos após quatro dias de alta, com investidores de olho no Copom – Áudio gerado às: 10:51:20

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

O Ibovespa oscila entre altas e baixas nesta quarta-feira (8), apesar do índice futuro ter sinalizado na abertura, para uma alta, virando também para queda depois das primeiras negociações. Investidores brasileiros, além do mercado externo, dão destaque à decisão do Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom), que divulga a partir das 18h30 (horário de Brasília) a nova taxa Selic – com projeção de alta de 1,5 ponto percentual, chegando a 9,25% ao ano.

Às 10h33, o benchmark da Bolsa tinha queda de 0,07%, a 107.484 pontos, após quatro sessões de ganhos. O dólar comercial recuava 0,06%, negociado a R$ 5,614 na compra e a R$ 5,615 na venda. No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2023 cai 0,13 p.p. para 11,35%; DI para janeiro de 2025 recua 0,19 p.p. a 10,65%; e o DI para janeiro de 2027 cai 0,19 p.p. a 10,65%

Além da decisão do Banco Central, há também a questão da PEC dos Precatórios. Na noite de ontem, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, e o da Câmara, Arthur Lira, afirmaram ter chegado a um acordo sobre a promulgação de parte PEC dos Precatórios, que será fatiada.

+Dose de reforço pode reduzir ameaça da ômicron, mostram estudos

A ideia, agora, é aprovar os pontos comuns apoiados pelas as duas casas, o que deve já abrir caminho fiscal para a proposta no orçamento de 2022, mas mantendo o chamado “pingue-pongue” para os que geram divergências.

Nos dados macroeconômicos, destaque, no Brasil, para a publicação das vendas do varejo de outubro, que recuaram 0,10% em outubro, ante expectativa de alta de 0,80%. “As atividades de varejo permanecem em tendência de queda em meio a persistente alta da inflação, a condições financeiras mais restritivas, ao aumento do endividamento das famílias e a mudança do gasto privado de bens para serviços”, comentou a XP Investimentos, em relatório.

Nos EUA os futuros, por volta das 10h10 (horário de Brasília), caminham para o quinto pregão consecutivo de alta, com o Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq avançando todos cerca de 0,20%. Houve, porém, desaceleração das altas na comparação com o começo do dia.

De um lado, investidores estão otimistas para o avanço do acordo entre democratas e republicanos para aumentar o teto da dívida nos EUA. Ontem, o líder republicano no Senado, Mitch McConnel, sinalizou que o seu partido colaborará com os democratas, ao menos parcialmente, na questão. “Os títulos de dívida americanos são ativos livre de risco, e um default geraria uma cadeia de crescimento de risco para as bolsas internacionais”, explica Henrique Esteter, especialista de mercado do (MarketMsg).

Do outro, porém, há incertezas quanto à variante Ômicron: a Pfizer afirmou que a variante “escapa” mais da imunidade criada pelo seu antígeno mas, ao mesmo tempo, defendeu que doses extras, segundo estudos, acabam totalmente com a ameça.

Se os índices norte-americanos caminham para mais um dia da sequência de altas, a Europa aponta para um dia negativo, com os investidores acompanhando a escalada das tensões entre Estados Unidos e a Rússia, após os presidentes Joe Biden e Vladimir Putin discutirem, em tom tenso, a questão da Ucrânia. Biden chegou a afirmar que uma invasão poderia gerar respostas “para além da economia”.

Um problema com a Rússia é visto como empecilho ao continente europeu, uma vez que o país de Putin, recentemente, aumentou sua importância na economia regional por conta do crescimento do fornecimento do seu gás natural.

O DAX, da Alemanha, recua 0,50%, no dia em que Angela Merkel deixa o posto de chanceler do país, após 16 anos. O FTSE, de Londres, é o único no campo positivo, subindo 0,17%. O CAC, da Paris, cai 0,13% e o FTSE MIB, de Milão, 0,64%.

Além da questão da Rússia, passou a pesar nos índices europeus, que estavam mais cedo majoritariamente em alta, a sinalização de que o Reino Unido pode aumentar de restrições impostas para frear o crescimento dos casos da covid-19, enquanto a solução com a vacina não vem.

A Ásia, por fim, surfou mais uma vez com as notícias positivas da Ômicron e, para além disso, com as sinalizações de que a China irá interferir no problema das grandes incorporadoras do país.

“A diminuição dos compulsórios e a implementação de autoridades para atuar dentro de incorporadoras apontam que o governo chinês pretende atua na questão. Isso vem trazendo um alivio para os ativos de risco da região, mesmo com as companhias, como a Evergrande, não pagando ou dando indícios de que irão pagar suas dívidas”, diz o especialista do (MarketMsg).

O índice Nikkei, do Japão, fechou em alta de 1,42%; o de Shangai, na China, subiu 1,17% e a Kospi, da Coréia do Sul, avançou 0,34%. O HSI, de Hong Kong, ficou estável – impactado ainda pela queda das ações da Evergrande e também pelas companhias de tecnologia, que ainda recuam com as possíveis interferências do Partido Comunista Chinês.

Radar Corporativo

hotWords: alta, perdas após oscila investidores olho copom

Seja anunciante no invistaja.info

Tempo Real: Confira análises corporativas e a cobertura instantânea das últimas notícias do mercado

Eletrobras

BRF

Petrobras

Cosan

Bradesco

Analista da Rico Corretora ensina ferramentas práticas a extrair lucro do mercado financeiro de forma consistente. Inscreva-se Grátis.

palavras-chave: Ibovespa oscila entre perdas e ganhos após quatro dias de alta, com investidores de olho no Copom; invistaja.info;

FARIA LIMA | mercados | invistaja.info – Ibovespa oscila entre perdas e ganhos após quatro dias de alta, com investidores de olho no Copom

REFLEXÃO: Robert Brokamp, da Motley Fool: Diversificação reduz os riscos, aumenta a previsibilidade e impulsiona os retornos.

Notícias relacionadas:

Ecorodovias (ECOR3): Conselho do MP-SP homologa acordo e reabre inquéritos envolvendo Ecovias; ação tem baixa

CSN (CSNA3) projeta investimentos totais de R$ 4,1 bilhões em 2022

Ecorodovias: Conselho do MP-SP homologa acordo e reabre inquéritos envolvendo Ecovias

Criptomoedas têm maior chance de queda em 2022, diz pesquisa

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade