JBS pagou resgate de US$ 11 milhões em bitcoin após ciberataque

Segundo CEO da empresa nos EUA, pagamento visou proteger instalações e limitar impacto potencial do ataque sobre restaurantes, mercearias e fazendeiros
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Informação para o trader investidor

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: JBS pagou resgate de US$ 11 milhões em bitcoin após ciberataque; invistaja.info;


CEED3 | EV/EBITDA: -8.85 | Liq.Corr.: 0.61 | Liq.2meses: 10939.9 | Cotacao: 60.9 | ROIC: -0.0706 | Mrg.Liq.: -0.3558

ListenToMarket: JBS pagou resgate de US$ 11 milhões em bitcoin após ciberataque – Áudio gerado às: 8:30:18

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

A JBS pagou um resgate de US$ 11 milhões em bitcoin aos hackers que interromperam temporariamente o funcionamento de algumas de suas fábricas na semana passada, de acordo com o CEO da companhia nos Estados Unidos, Andre Nogueira.

Segundo o executivo, o pagamento visou proteger as instalações e limitar o impacto potencial do ataque cibernético sobre restaurantes, mercearias e fazendeiros que dependem da JBS. “Foi muito doloroso pagar os criminosos, mas fizemos a coisa certa pelos nossos clientes”, disse Nogueira nesta quarta-feira em entrevista ao Wall Street Journal.

O ataque à JBS fez parte de uma onda de ofensivas “ransomware”, em que os criminosos bloqueiam o acesso da empresa ao sistema infectado e cobram um resgate multimilionário para a liberação.

+El Salvador se torna 1º país a adotar o Bitcoin como moeda corrente

Nogueira disse que a JBS soube do ataque na manhã do dia 30 de maio, quando membros da equipe de tecnologia perceberam irregularidades no funcionamento de alguns servidores. Logo eles encontraram uma mensagem exigindo um resgate para recuperar o acesso ao sistema da empresa.

A JBS chamou fornecedores de tecnologia que já haviam trabalhado com a empresa, bem como especialistas em segurança cibernética e consultores que começaram a negociar com os invasores.

hotWords: bitcoin ciberataque após pagou

Publique seu negócio no invistaja.info

Na semana passada, o FBI atribuiu o ataque ao REvil, uma gangue criminosa de “ransomware”. Nogueira disse que a JBS e empresas externas estão conduzindo análises forenses de seus sistemas de tecnologia da informação e que ainda não está claro como os invasores acessaram os sistemas.

Nogueira disse que a empresa está confiante de que nenhum cliente, fornecedor ou dado de funcionário foi comprometido no ataque, com base em sua análise forense.

“Não pensamos que poderíamos correr esse tipo de risco de que algo pudesse dar errado em nosso processo de recuperação”, disse Nogueira sobre a decisão de pagar os invasores. “Foi um seguro para proteger nossos clientes.”

Fonte: Dow Jones Newswires

Para entender como operar na bolsa através da análise técnica, inscreva-se no curso gratuito A Hora da Ação, com André Moraes.

palavras-chave: JBS pagou resgate de US$ 11 milhões em bitcoin após ciberataque; invistaja.info;

FARIA LIMA | mercados | invistaja.info – JBS pagou resgate de US$ 11 milhões em bitcoin após ciberataque

REFLEXÃO: Ben Carlson, autor de A Wealth of Common Sense – A riqueza do senso comum, em tradução livre: Menos é mais. O processo de investimento deve ser mais importante que os resultados. Comportamento correto na hora de investir é a chave.

Leia também:

Barragem desativada da Vale tem risco de ruptura, diz órgão trabalhista; BRF, JBS, Petrobras e mais destaques

Carros novos e seminovos: como estes empreendedores dominaram 60% das vendas em concessionárias oficiais

Os 5 assuntos que vão movimentar o mercado nesta quinta-feira – 10/6

Bolsas mundiais operam sem direção definida com investidores à espera de reunião do BCE e inflação nos EUA

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.