Publicidade

MPRJ apreende R$ 48 mil com vereador acusado de lavagem de dinheiro com criptomoedas

Operação também investiga Glaidson Acácio dos Santos, conhecido como Faraó do Bitcoin, e Carlos Alexandre da Silva

Informação de quem vive o mercado

Edição MarketMsg e invistaja.info

palavras-chave: MPRJ apreende R$ 48 mil com vereador acusado de lavagem de dinheiro com criptomoedas; invistaja.info;


ELMD3 | EV/EBITDA: 13.02 | Liq.Corr.: 0.67 | PSR: 2.793 | Cresc.5anos: 1.1207 | P/Ativo: 0.838 | P/L: -172.14

O Grupo de Atuação Especializada de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), apreendeu R$ 48 mil na casa de um vereador do município de Armação dos Búzios, na Região dos Lagos. O dinheiro foi encontrado durante a Operação Cryptolavagem, destinada a cumprir mandados de busca e apreensão em endereços do vereador.

A operação também investiga Glaidson Acácio dos Santos, conhecido como Faraó do Bitcoin, e Carlos Alexandre da Silva, pelo crime de lavagem de dinheiro. A ação tem o apoio da Coordenadoria de Segurança e Inteligência do MPRJ.

A Cryptolavagem é um desdobramento da fase dois da Operação Plastografos, desencadeada pelo Gaeco em abril de 2021. Naquele momento, a ação desarticulou quadrilha liderada pelo vereador e outros servidores da prefeitura de Búzios.

+Alphabet, Samsung e outras gigantes investiram US$ 6 bilhões em blockchain em nove meses, mostra estudo

O Ministério Público informou que o vereador é acusado de ocultar, por meio de investimentos em criptoativos, a origem ilícita de valores obtidos com a venda de alvarás em Búzios. Acrescentou que os investimentos em criptoativos eram intermediados por Carlos Alexandre e Glaidson Acácio dos Santos.

hotWords: apreende acusado vereador dinheiro

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

O MP informou ainda que, na época, o vereador já tinha sido “acusado de ter promovido, constituído, financiado e integrado organização criminosa dedicada à prática dos delitos de corrupção passiva, uso de documento falso e estelionato, envolvendo a emissão de alvarás no município”.

O mandato atual é o terceiro do vereador. Além disso, ele exerceu cargo em comissão de chefe de Gabinete do então prefeito André Granado, entre novembro de 2018 e maio de 2019. Segundo o MPRJ, foi nesse período que foram praticados os delitos apontados pelos promotores. A 1ª Vara Especializada determinou o afastamento do vereador das funções públicas.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do (invistaja.info)

palavras-chave: MPRJ apreende R$ 48 mil com vereador acusado de lavagem de dinheiro com criptomoedas; invistaja.info;

BRASIL | mercados | invistaja.info – MPRJ apreende R$ 48 mil com vereador acusado de lavagem de dinheiro com criptomoedas

REFLEXÃO: Michael Kitces, conselheiro financeiro: Invista pensando no longo prazo, não especule, mas, não ignore as flutuações do mercado.

Saiba mais:

Rede D’Or (RDOR3) e Hapvida (HAPV3): 2º tri testou sinergias na saúde e mostrou que ainda há espaço para aquisições

Coreia do Sul: autoridades investigam 16 exchanges cripto sem registro no país

Fórum Econômico Mundial destaca “impactos inesperados” da seca na Europa

AGE da Petrobras (PETR4) aprovará inclusive nomes vetados para conselho, dizem fontes governistas à Reuters

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

plugins premium WordPress