Mulheres contrataram mais e demitiram menos em fevereiro

Levantamento foi feito pelo Sebrae
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Informação para traders e investidores

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Mulheres contrataram mais e demitiram menos em fevereiro; invistaja.info;


RADL3 | Mrg.Ebit: 0.0476 | DY: 0.006 | Liq.2meses: 160554000.0 | Liq.Corr.: 1.46 | ROE: 0.111 | Pat.Liq: 4363130000.0

O mês de fevereiro foi de mulheres mais resilientes do que homens diante da crise no controle de suas pequenas e microempresas. Um levantamento feito pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) mostrou que as empresárias demitiram menos e contrataram mais nesse mês. Além disso, recorreram menos a empréstimos no setor financeiro.

No mês passado, 9% das empresárias entrevistadas desligaram funcionários; entre os homens, esse número subiu para 12%. Quando o assunto é contratação, 16% das empreendedoras fizeram contratações, contra 13% de empreendedores.

Questionados sobre empréstimos tomados em fevereiro, 52% dos empreendedores afirmaram a tentativa de obter empréstimo. Entre as mulheres, esse percentual foi um pouco menor, 46%. O Sebrae ouviu 6.228 empresários e empresárias de todo o país entre 25 de fevereiro de 1º de março.

+Credit se une a outros bancos ao diminuir exposição ao Brasil – e destaca 2 motivos para não reduzir ainda mais

A maioria das mulheres consultadas acredita que o governo deveria estender linhas de crédito (38%), além do auxílio emergencial (31%). Já 11% delas sugeriram o adiamento dos impostos. Entre os homens, 52% entendem que a extensão de linhas de crédito deveria ser a medida tomada pelo governo neste momento do país.

hotWords: mais contrataram menos mulheres

Seja anunciante no invistaja.info

O levantamento também mostra que as mulheres usam mais a internet na condução dos seus negócios. Setenta e quatro por cento das empresárias vendem seus produtos ou serviços de forma digital. Entre os homens, esse percentual cai dez pontos.

“Percebemos que os pequenos negócios mantidos por mulheres seguem a tendência de vendas online e marketing por meio de mídias sociais. Esse movimento já vinha sendo notado, mas foi acelerado com a pandemia”, disse o presidente do Sebrae, Carlos Melles.

Participe do Treinamento gratuito Scalper Pro e entenda como extrair lucro e controlar riscos na Bolsa em operações que duram minutos ou segundos! Inscreva-se aqui.

palavras-chave: Mulheres contrataram mais e demitiram menos em fevereiro; invistaja.info;

FARIA LIMA | negocios | invistaja.info – Mulheres contrataram mais e demitiram menos em fevereiro

REFLEXÃO: Harold Pollack, da Universidade de Chicago: Guarde entre 15 e 20% e invista em fundos de índices com taxa baixa.

Veja também:

Brasil supera 12 milhões de casos de Covid; total de mortes passa de 295 mil

Mais restrições podem ser necessárias na França se situação da pandemia piorar, diz conselheiro do governo

BC destaca peso de riscos fiscais em decisão de alta de 0,75 ponto percentual da Selic

Marisa reverte lucro e tem prejuízo de R$ 28,9 mi no 4º tri; produção da Usiminas, notícias de Petrobras e mais destaques

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.