Ouro cai a menor patamar desde abril em meio a apostas de retirada de estímulos pelo Fed

Em quedas consecutivas desde 29 de julho, o ouro já cai quase 4% em agosto e tem baixa acumulada da ordem de 8% no ano até hoje
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Investindo como um profissional

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Ouro cai a menor patamar desde abril em meio a apostas de retirada de estímulos pelo Fed; invistaja.info;


BMGB4 | ROE: 0.084 | PSR: 0.0 | Liq.2meses: 7225800.0 | P/ACL: 0.0 | EV/EBIT: 0.0 | EV/EBITDA: 0.0

ListenToMarket: Ouro cai a menor patamar desde abril em meio a apostas de retirada de estímulos pelo Fed – Áudio gerado às: 11:30:20

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

BRASIL | invistaja.info — Em meio às apostas de que o Federal Reserve (o banco central americano) possa reduzir seu amplo estímulo monetário, a cotação do ouro à vista apresentou uma queda acentuada no início do pregão dos mercados asiáticos nesta segunda-feira (9).

Nesta data, o ouro chegou a passar por um “flash crash”, em que a retirada de ordens amplia rapidamente as quedas de preços dos ativos.

Depois de cair mais de 4% em poucos minutos, sendo negociado abaixo dos US$ 1,7 mil (mais precisamente, a US$ 1.689) a onça-troy (uma onça troy equivale a cerca de 31 gramas), o metal precioso se recupera, mas segue pressionado, apresentando o menor patamar desde abril deste ano, quando caiu a US$ 1.736.

+Lei que transforma times de futebol em empresas é sancionada

Por volta das 10h40, o ouro spot (à vista) era negociado a US$ 1.743, uma queda da ordem de 1% em relação ao valor de sexta-feira (6).

Em quedas consecutivas desde 29 de julho, o ouro já cai quase 4% em agosto e tem baixa acumulada da ordem de 8% no ano até esta segunda.

hotWords: retirada estímulos pelo abril desde meio

Seja anunciante no invistaja.info

O movimento acontece em meio à retomada da economia pós-Covid, sinalizando uma possível retirada de estímulos por parte do Fed e aumento das taxas de juros em 2022 e 2023.

Na sexta (6), os dados de desemprego nos Estados Unidos melhor do que o esperado contribuíram para uma maior queda do metal na Bolsa.

A sinalização é negativa para o ouro, uma vez que ele possui forte correlação com a taxa de juros real.

Porém, investidores também atribuem o movimento à liquidação forçada de alguns fundos.

palavras-chave: Ouro cai a menor patamar desde abril em meio a apostas de retirada de estímulos pelo Fed; invistaja.info;

FARIA LIMA | mercados | invistaja.info – Ouro cai a menor patamar desde abril em meio a apostas de retirada de estímulos pelo Fed

REFLEXÃO: Bill Mann, da Motley Fool Asset Management: Busque investir em conjunto com grandes gestores, depois, é só ser paciente.

Leia também:

Ação da Viveo (VVEO3) estreia na B3 com alta de mais de 10%

Lei que transforma times de futebol em empresas é sancionada

Preços do petróleo e do minério de ferro caem cerca de 4% com dados de China e temores sobre variante delta

Ibovespa Futuro cai com recuo das commodities após dados de importações da China; dólar sobe

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade