Publicidade

Petroleiras e siderúrgicas são destaque de alta da bolsa; aéreas seguem pressionadas

Alguns dos setores mais impactados na última sexta-feira tiveram um respiro no pregão de hoje; investidores ainda acompanham novas notícias
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Investindo como profissionais

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Petroleiras e siderúrgicas são destaque de alta da bolsa; aéreas seguem pressionadas; invistaja.info;


RCSL4 | ROE: 0.0148 | P/Cap.Giro: 22.23 | Liq.Corr.: 1.15 | Cotacao: 1.29 | Pat.Liq: -43698000.0 | EV/EBIT: 104.43

ListenToMarket: Petroleiras e siderúrgicas são destaque de alta da bolsa; aéreas seguem pressionadas – Áudio gerado às: 19:10:47

VELOCIDADE: 1.0x | 1.95x | 2.3x

BRASIL | invistaja.info — Nesta segunda-feira (29), a bolsa brasileira recuperou parte da queda vista no último dia da semana passada, quando o anúncio da identificação da nova variante da Covid-19 assustou o mercado. Investidores, porém, continuam atentos às publicações sobre a doença e de olho nos setores que estão mais expostos ao avanço da Ômicron, como o de aviação, o de turismo e o de commodities.

Ambas as áreas são muito ligadas à retomada econômica e à reabertura das fronteiras mundo afora. A perspectiva de novos lockdowns e restrições, então, foi responsável por fazer – na última sexta-feira – as ações preferenciais da Azul (AZUL4) recuarem 14,1% e as ordinárias da PetroRio (PRIO3), 8,74%.

Hoje, o setor de petróleo apresentou boa recuperação e a PetroRio recuperou parte do seu valor de mercado perdido, fechando em alta de 3,42%. Enquanto isso, as ações da Petrobras (PETR3);PETR4) saltaram 3,98% e 3,51%.

+Ibovespa fecha em queda de 3,39% com apenas duas ações em alta no índice; petróleo caiu mais de 10%

A Azul, porém, não apresentou o mesmo comportamento e a sua alta foi bem mais modestas: as ações PN tiveram alta de apenas 0,82%.

Aéreas continuam pressionadas

“O mercado hoje está em recuperação daquilo que foi, de acordo com o próprio mercado, uma reação exagerada à nova variante. A reação é exagerada, porém, até a segunda página. Se novos dados mostrarem que a Ômicron é mais grave e perigosa, veremos novamente um sell-off”, comenta Rodrico Franchini, sócio da Monte Bravo Investimentos.

Segundo ele, a pressão deve continuar até o mercado ter acesso a novos dados sobre a variante. ““As aéreas não têm jeito. O que era um setor que tinha um potencial de volta, com um upside interessante, agora volta a sofrer com as restrições”, completou.

A despeito de novas notícias apontando que a Ômicron pode ter sintomas mais brandos do que outras variantes, apesar de mais transmissível, não houve nesta segunda recuou quanto ao bloqueio de voos já impostos para conter o avanço da doença – países como os EUA, o Reino Unido e até mesmo o Brasil já proibiram, por exemplo, seus translados com cerca de sete países africanos.

“No Brasil, há ainda a questão da Azul ter feito uma oferta pela Latam. A Latam fazendo um plano bilionário de recuperação judicial. Então há também os ruídos que acabam atrapalhando o setor. O movimento não é só por conta da Covid-19″, explicou o sócio da Monte Bravo.

As ações PN da Gol (GOLL4), que caíram 11,71% na sexta, diferentemente das da Azul, hoje, conseguiram um alta mais relevante, avançando 3,45%. As ações ON da CVC (CVCB3), que despencaram 11,07% na sexta, tiverem novo recuo nesta segunda-feira, de 2,68%.

Commodities têm “respiro técnico”

As companhias de commodities, como já mencionado, tiveram altas mais relevantes no pregão de hoje. Além da PetroRio, a Usiminas (USIM5) foi destaque do lado positivo do Ibovespa, fechando em alta de 6,11%.

No setor de petróleo, a alta das companhias acompanhou a recuperação da commodity. Os contratos do petróleo WTI para janeiro fecharam em alta de 3,23%, com o barril negociado a US$ 70,35. O Brent subiu 0,65%, a R$ 73,19.

hotWords: petroleiras seguem bolsa; destaque siderúrgicas

Anuncie no invistaja.info

Notícias como a de que o presidente Joe Biden descartou novos lockdowns nos Estados Unidos e de que a Opep irá rever sua política de aumento da produção do petróleo ajudaram a impulsionar o preço, que avançou – mas que ainda está muito distante do seu patamar de duas semanas atrás.

“Hoje tivemos um respiro técnico, com óleo e minério subindo, fazendo as companhias do setor serem destaques do Ibovespa”, comentou César Mikail, gestor de renda variável da Western Asset.

O minério fechou em alta de 6,83% em Qingdao, a US$ 103,27 a tonelada, recuperando totalmente a baixa de sexta. Em Dalian, avanço foi de 4,77%, a US$ 96,27.

O gestor ainda apontou que, na sexta, boa parte das quedas se deu também porque boa parte dos índices de países desenvolvidos – os dos EUA, por exemplo – estão próximos a suas máximas históricas. “Q

Companhias de tecnologia, por outro lado, podem se beneficiar de nova crise

Se a crise causada pela Ômicron se tornar mais séria, porém, algumas companhias podem acabar se beneficiando do novo cenário. “

Nesta segunda-feira, alguns papéis de companhias brasileiras deste setor foram destaque. A Locaweb (LWSA3) e a Méliuz (CASH3), por exemplo, figuraram entre as principais altas, subindo, respectivamente, 6,77% e 3,46%.

Bruno Komura, analista de renda variável da Ouro Preto Investimentos, aponta ainda que as empresas de concessões também podem ter um alívio com o arrefecimento da alta dos juros.

Crise da Ômicron liga sinal de alerta para vários setores

Além de commodities e companhias aéreas, o gestor da Ouro Preto Investimentos afirma que é necessário se atentar para a dinâmica de vários setores. “No caso de uma nova crise, setores como o varejo de vestuários devem ficar para trás, uma vez lockdowns fazem a demanda cair, bem como as companhias com mais exposição ao canal de lojas físicas”, explicou.

A Ômicron se tornou uma variável importante neste momento para como o mercado desempenhará no futuro próximo. Gestores e analistas devem, então, continuar monitorando as próximas notícias dessa nova mutação do coronavírus.

Quer sair da poupança? Em curso gratuito, especialista em renda fixa da XP mostra como receber até 200% acima da poupança tradicional, sem abrir mão da simplicidade e segurança!

palavras-chave: Petroleiras e siderúrgicas são destaque de alta da bolsa; aéreas seguem pressionadas; invistaja.info;

MARINGÁ | mercados | invistaja.info – Petroleiras e siderúrgicas são destaque de alta da bolsa; aéreas seguem pressionadas

REFLEXÃO: Michael Kitces, conselheiro financeiro: Invista pensando no longo prazo, não especule, mas, não ignore as flutuações do mercado.

Notícias relacionadas:

Ibovespa acompanha correção do mercado e fecha com alta moderada; investidor segue em alerta com variante ômicron

Ex-executivo do Citi lança empresa cripto de US$ 1,5 bilhão

Dólar supera R$ 5,60 e vai a máxima em um mês com temor fiscal e força global da moeda

“O jogo ainda não acabou”, dizem analistas do Bradesco BBI sobre proposta da Azul a Latam

Publique seu negócio no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade