Em nova fase, AES Brasil pode triplicar alavancagem para crescer

A holding AES Brasil, que abriga a anteriormente listada AES Tietê, garante à companhia maior capacidade de financiamento para crescer, destaca a CEO
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Notícias de trader para trader

Edição invistaja.info e MarketMsg

palavras-chave: Em nova fase, AES Brasil pode triplicar alavancagem para crescer; invistaja.info;


ITUB4 | Liq.2meses: 1101190000.0 | PSR: 0.0 | P/EBIT: 0.0 | ROE: 0.1387 | P/Cap.Giro: 0.0 | Mrg.Liq.: 0.0

(invistaja.info) — A AES Brasil (AESB3) adotou uma estratégia de duas pontas para deslanchar o crescimento: adotou uma nova estrutura societária com a criação da holding e migrou suas ações para o o Novo Mercado da B3, mais alto padrão de governança da bolsa.

A holding AES Brasil, que abriga a anteriormente listada AES Tietê, garante à companhia maior capacidade de financiamento para crescer, segundo Clarissa Sadock, que assumiu a presidência em janeiro deste ano. Com a holding, a companhia consegue separar os ativos em operação dos em construção, os chamados “green field”. “Assim conseguimos ampliar nossa capacidade de financiamento e crescer mais rápido”, disse ela, em entrevista.

As novas dívidas emitidas já possuem limite maior de alavancagem em seus covenants, podendo variar entre 4,0x e 4,5x, enquanto no último trimestre de 2020 o índice foi de 1,53x, segundo o balanço da companhia.

+“Grandes desafios do Brasil estão sempre ligados ao fiscal”, diz Campos Neto

A migração para o Novo Mercado após a reestruturação societária e a escolha de Clarissa para o comando –a primeira mulher a assumir o cargo de presidente na história da empresa– estão dentro da estratégia de alinhar a companhia ainda mais aos padrões ESG, de preocupações com meio ambiente, sociais e de governança.

hotWords: nova crescer triplicar alavancagem pode

Publique seu negócio no invistaja.info

A nova gestão também traz formas diferentes de parcerias para “buscar o recurso mais barato do mercado”, segundo a executiva. Uma delas foi aceitar o Itaú como sócio minoritário na Guaimbê Holding, de energia solar. Outra foi feita com a Unipar, que se tornou acionista de um ativo de energia eólica e é também cliente do mesmo ativo. “A ideia é crescer remunerando de forma correta o capital”, disse Clarissa.

A AES fez duas aquisições no final de 2020 e quer mais. “Estamos sempre buscando oportunidades de aquisições onde a gente se diferencie”, disse Clarissa. “Sempre há ativos interessantes no mercado.”

A empresa adquiriu ativos eólicos no Complexo Ventus, que já estão em seus resultados desde dezembro, e comprou os Complexos Eólicos MS e Santos, cujo acordo de aquisição foi assinado na última semana de 2020.

Entenda o método para realizar análises e não se perder em momentos turbulentos. A série gratuita One Good Trader, com Gilberto Coelho, te ensina como – inscreva-se!

palavras-chave: Em nova fase, AES Brasil pode triplicar alavancagem para crescer; invistaja.info;

RIO DE JANEIRO | mercados | invistaja.info – Em nova fase, AES Brasil pode triplicar alavancagem para crescer

REFLEXÃO: Morgan Housel: Se preocupe somente quando você achar que tiver tudo resolvido.

Saiba mais:

Fiocruz diz que demanda internacional por insumos de vacinas gera alerta sobre cronograma

Orçamento escancara dois “ministérios da Economia”

“Dr. Doom”, Nouriel Roubini alerta para riscos de salto de rendimento dos títulos americanos

Câmara deve retomar polêmica sobre compra de vacinas por empresas nesta terça-feira

Entre em contato para anunciar no invistaja.info

Resumo do mercado

Assine grátis nossa newsletter semanal

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade

Newsletter invistaja: receba um resumo semanal dos principais movimentos do mercado

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Publicidade